Fale com o time de vendas
Consumidores aceleram na confiança e 62% afirmam que vão às compras na Black Friday 2023

Consumidores aceleram na confiança e 62% afirmam que vão às compras na Black Friday 2023

Boas notícias para quem está se preparando para a Black Friday 2023: consumidores estão mais decididos a comprar na maior data do varejo brasileiro. Em recente pesquisa aplicada pelo Reclame AQUI, maior plataforma referência em reputação e confiança nas relações de consumo do mundo, e a Linx, empresa do grupo StoneCo. e especialista em tecnologia para o varejo, com mais de 3,2 mil consumidores, 62% afirmaram que vão comprar na Black Friday, deixando a indecisão do mês de agosto para trás. Esse percentual, no mesmo período do ano passado, era de 43,3%. A combinação de confiança com um cenário econômico mais estável e favorável aos dos consumidores vai ao encontro da expectativa positiva do varejo, com 88% dos varejistas otimistas com as vendas neste ano.

Para o Cofundador e CEO do Reclame AQUI, Edu Neves, a mensagem é clara: o consumidor está pronto para a Black Friday, e o varejo não pode titubear.

“O consumidor veio se movendo para essa posição de confiança para o consumo nesta Black Friday ao longo dos últimos meses. Primeiro, teve uma postura conservadora de começar a pesquisar bastante os preços e preparar seu orçamento se posicionando sempre em uma compra à vista dentro de um ticket médio mais baixo, com medo de se endividar, mas mostrando bastante vontade de comprar de suas marcas preferidas; a maior parte dos consumidores já pesquisando preço há mais de 6 meses. E agora, no início de novembro, ele demonstra que vai acelerar nessa data de promoção tomando o risco de parcelamento e a compra de itens de mais alto valor como eletrônicos, linha branca e eletros”, analisa Neves.


Índice de consumidores estreantes na Black Friday chega a cerca de 28%

Com o foco de compras predominantemente voltado para linha branca e eletroeletrônicos, cerca de 70% dos consumidores monitoram preços há pelo menos 3 meses, o que vai exigir do varejo boas promoções e condições de venda atraentes. Dentro deste grupo antenado e inclinado a comprar, estão quase 28% de brasileiros que vão participar pela primeira vez da data; percentual maior do que o de 2022, que foi de 24,2%.

Outro ponto importante apontado é que confiança e credibilidade das marcas vão pesar na hora de escolher as lojas e fechar negócio. Este ano,  85% dos participantes da pesquisa afirmam que vão pesquisar no Reclame AQUI antes de comprar, mostrando amadurecimento dos brasileiros na busca por informações de outros consumidores e suas experiências. O comportamento dos consumidores tem revelado uma mensagem importante para o varejo: construir marca e confiança vale a pena. Tanto é que mais de 62% afirmam na pesquisa esperar promoções de marcas específicas; ou seja, escolheram a marca antes da promoção.

Um dos dados que tem chamado a atenção nesse período pré-Black Friday é a propensão à compra em lojas online, que disparou em relação às lojas físicas, que vinha crescendo até o último mês. O que estava equilibrado, agora desafia o varejo físico a ter promoções certeiras para o “consumidor passante”. Destaque também para o protagonismo das redes sociais, que evoluiu de 7% em 2022 para mais de 17% este ano como canal de compras. Do lado do varejo, a aposta é o social selling, com destaque para as vendas via WhatsApp e Redes Sociais. 

Segundo Tiago Mello, CMO e CPO da Linx, a pesquisa reflete o momento atual do varejo. “O consumidor está cada vez mais exigente em relação a personalização, atendimento e jornadas sem fricção. Na Black Friday, o desejo por promoções específicas e experiências de compra fluídas aumentam, o que exige ainda mais do varejista em termos de precificação e conhecimento sobre o cliente, o que pode ser otimizado cada vez mais com a ajuda da tecnologia”, comenta Mello.

Nas pesquisas anteriores feitas pelo Reclame AQUI em parceria com a Linx, o PIX liderava como meio de pagamento favorito. Agora, o parcelamento no cartão volta a ser o mais citado, com 51%. A tendência, analisa Neves, mostra confiança do consumidor em contrair parcelas que não demonstrava até então. Aparentemente, isso se dá ao mesmo tempo em que mais de 54% dos consumidores demonstraram a intenção de gastar mais de R$ 1 mil em compras.

Com tanto tempo de monitoramento e confiança para as compras, 50% dos consumidores apontam que já a partir das 18h da quinta-feira, véspera de Black Friday, iniciam suas buscas. Dentro dessa maratona, 63% pretendem antecipar compras de Natal durante a Black Friday 2023, o que serve de insight aos varejistas para que preparem os estoques e a logística de entrega para evitar problemas com atrasos das mercadorias. As promoções diluídas ao longo do mês, por sua vez, são a aposta dos varejistas para a data.

Para quem está se preparando para vender pela primeira vez na sexta-feira mais esperada do ano, a chance de atrair os consumidores aumenta. Este ano, 52% querem conhecer novas lojas, um volume levemente maior dos 48% que irão repetir as lojas onde compraram ano passado porque tiveram boas experiências. Nos dois casos, excelentes oportunidades de mostrar um bom atendimento e, por que não, conquistar e até fidelizar clientes. Entre as principais estratégias dos comerciantes para a Black Friday 2023, destacam-se os descontos progressivos, combos e ofertas antecipadas para fisgar os consumidores.

Sobre o Reclame AQUI

O Reclame AQUI é uma empresa de tecnologia e a maior plataforma referência em reputação e confiança nas relações de consumo do mundo. Com mais de 20 anos de história, conecta empresas e consumidores para a evolução de relacionamentos de forma ética e transparente.

Com milhares de consumidores cadastrados e mais de 600 mil empresas presentes na plataforma, o Reclame AQUI tem um valor importante na decisão de compra dos brasileiros. Em média, somamos 1,2 bilhão de pageviews/ano em 2022.

Além disso, são registradas em média 45 mil reclamações/dia e só em 2022 foram 888 milhões de pesquisas realizadas por consumidores em busca de informações sobre as empresas para a formação de opinião e percepção antes de comprar um produto ou contratar um serviço. Para saber mais, acesse: https://www.reclameaqui.com.br/ 

Sobre a Linx

A Linx, empresa do grupo StoneCo, é líder e especialista em tecnologia para o varejo no mercado de software para gestão. Com ampla atuação em vários segmentos do varejo e um portfólio composto por mais de 180 soluções, a Linx ajuda desde pequenos empreendedores a grandes varejistas, oferecendo o maior ecossistema para o varejo da América Latina e emitindo mais de 2.7 bilhões de notas fiscais anualmente. Em 2023, foi reconhecida pelo Prêmio Valor Inovação Brasil como uma das cinco empresas mais inovadoras no setor de tecnologia da informação. Para saber mais, acesse: www.linx.com.br/imprensa

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

fale com a gente!

Vendas pelo Whatsapp

Suporte
ao cliente