Fale com o time de vendas
Com alta nos casos de dengue, venda de repelentes cresce mais de 26% nas farmácias em 2024

Com alta nos casos de dengue, venda de repelentes cresce mais de 26% nas farmácias em 2024

Com a alta nos casos de dengue, os consumidores passaram a procurar mais pelos repelentes no Brasil. A quantidade de itens vendidos nas farmácias aumentou 26,4% nos dois primeiros meses de 2024 em comparação a 2023. O faturamento dos estabelecimentos cresceu 45,5% com a venda do produto. A alta demanda também impactou o preço, com elevação de 15% no valor médio. Os dados são da Linx, empresa do grupo Stone.Co e especialista em tecnologia para o varejo.

Segundo um levantamento da solução Impulse, buscador de lojas digitais que pertence à Linx, a procura pelos repelentes também cresceu na internet. Faltando uma semana para o fim de fevereiro, o mês já apresentou alta de 216% na busca pelo item, em relação a janeiro. Desde o início do verão, o aumento chegou a 337%, deixando os produtos que evitam ataques de mosquitos em primeiro lugar nas pesquisas dos e-commerces.

Para Luís Fischpan, diretor executivo de Farma na Linx, a alta nas buscas pelos repelentes, tanto nas farmácias como nos e-commerces, pode estar atrelada, principalmente, ao aumento no número de casos de dengue no Brasil. “Observamos uma preocupação maior das pessoas em se proteger dos mosquitos e isso foi potencializado com o alerta vermelho em relação à dengue. O produto é muito recomendado como forma de proteção, por isso, a procura tende a aumentar em todo o país”, afirma.

Segundo João Werner, diretor de retail media e personalização na Linx, o levantamento mostra que os consumidores estão mais preocupados em se proteger dos mosquitos e da dengue. “As campanhas contra a doença e a preocupação das pessoas estão levando o consumidor a procurar os repelentes nos e-commerces. Isso também pode ser reflexo da rápida liquidação dos estoques das farmácias, que levam as pessoas a fazerem a compra pelo comércio eletrônico”, explica.

O comportamento também pode ser uma vantagem para os varejistas. “A partir das análises é possível observar os temas mais buscados e assim gerar anúncios do segmento, oportunidades de retail media, personalizando o e-commerce de acordo com as principais buscas”, reforça João.

Sobre a Linx

A Linx, empresa do grupo StoneCo, é especialista em tecnologia para o varejo no mercado de software para gestão. Com ampla atuação em vários segmentos do varejo e um portfólio composto por mais de 180 soluções, a Linx ajuda desde pequenos empreendedores a grandes varejistas, oferecendo o maior ecossistema para o varejo da América Latina e emitindo mais de 2.7 bilhões de notas fiscais anualmente. Em 2023, foi reconhecida pelo Prêmio Valor Inovação Brasil como uma das cinco empresas mais inovadoras no setor de tecnologia da informação. Para saber mais, acesse: www.linx.com.br/imprensa

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

fale com a gente!

Vendas pelo Whatsapp

Suporte
ao cliente