Fale com o
time de vendas

Com solução da Linx, Dídio Pizza cresce 19% suas vendas via plataforma própria

 shutterstock_132513458

Focada 100% em delivery, rede de pizzaria superou 80% de taxa de fidelização na plataforma e planeja inaugurar mais 12 lojas em São Paulo

São Paulo, 19 de abril de 2021 – Mesmo com suas operações idealizadas para o delivery e com um negócio já consolidado no mercado, a Dídio Pizza viu suas vendas saltarem de 13% para 32% na sua plataforma própria de delivery após implementar o Delivery App, solução da Linx, empresa líder e especialista em tecnologia para o varejo. Com a parceria, a tecnologia supriu os gargalos da rede e ajudou na retenção dos clientes ao possibilitar ações personalizadas e impulsionar o programa de fidelidade da rede.

Um dos principais desafios da rede Dídio era a instabilidade no sistema, que fazia com que as franquias perdessem vendas importantes, principalmente em momentos de pico. “Quando iniciamos a parceria, buscávamos oferecer ao cliente segurança, agilidade e inovação, com um desafio grande de estabilizar as operações”, explica Rodrigo Rosalin, diretor da Linx. O projeto piloto foi realizado na unidade do mesmo grupo, chamada SUN CHINA, em São Paulo, e expandido para demais unidades da Didio. “Após o sucesso da primeira operação, estendemos o projeto para outras 28 lojas da rede e, desde então, as vendas pelo app próprio cresceram 19%. Um número muito expressivo para uma modalidade com o diferencial de ser um canal de vendas que envolve menos custos operacionais e comissões”, explica Rosalin.

O interesse pela tecnologia e modernização na Dídio Pizza vem de muito tempo. “Fomos uma as primeiras pizzarias a ter um computador operando em loja lá em meados de 1993, quando a Dídio ainda era um negócio de família, no bairro da Lapa, em São Paulo”, conta o sócio proprietário, Fernando Biazini. Em 2008, os sócios formataram o modelo de negócio, passando a operar apenas por entrega em domicílio – por telefone, na época – e passaram a franquear a Dídio quatro anos depois. Com a força de expansão e pensando na tecnologia, a rede de pizzarias aderiu ao e-commerce. “Sempre quisemos ser uma rede informatizada, rápida, que pudesse levar uma boa experiência de consumo para os clientes e, ainda que o nosso canal de vendas on-line funcionasse naquela época, nós tínhamos problemas com instabilidade da rede. Além de perdermos vendas, os clientes reclamavam bastante da dificuldade para fazer o pedido, o que dificultava no processo de retenção”, afirma Ferando.

O fator fidelização

Para superar a dificuldade de reter os clientes, a rede fez uso da mesma solução, Delivery App, para criar um programa de fidelidade e incentivos para o cliente comprar com maior recorrência. A estratégia preparou o terreno para o momento de pandemia, no início do ano passado: enquanto outras redes de pizzaria e food service corriam para tornar sua operação 100% delivery, a Dídio ganhava mais competitividade para as 28 lojas, com plano definido para manter os clientes comprando pelo app próprio, driblando a explosão de concorrência nos apps de marketplace para delivery.

Apostando em campanhas personalizadas de comunicação e relacionamento, com disparos de push notification e cupons de desconto, a Dídio consolidou a carteira de clientes fiéis. Somente entre 21 de fevereiro a 21 de março deste ano foram mais de 20 mil participantes de programas de fidelidade ativos no Delivery App, com mais de 14 mil premiados e um índice de clientes recorrentes chegando a 81,3%, contra apenas 54% em marketplaces.

Para Rosalin, a estratégia das campanhas de fidelização adotada pela Dídio coloca a rede de pizzarias no caminho certo e serve de modelo para outras. “Fidelizar clientes no marketplace é sempre um desafio porque a concorrência ferrenha está brigando pela atenção do consumidor no mesmo canal de venda. Com ações personalizadas dentro do seu próprio aplicativo, o cliente entende que é ali onde mora o benefício e o processo de retenção se torna mais fácil” analisa.

Para Fernando, as ações de fidelização foram importantes para que as vendas no e-commerce crescessem e a rede já planeja expansão. “Nos próximos anos, queremos inaugurar mais 12 lojas em São Paulo e no interior, além de aumentar 28% do faturamento vindo do nosso aplicativo, contando com a Linx, que tem sido nossa parceira tecnológica nesses últimos dois anos”, finaliza.

 Sobre a Linx

A Linx é uma empresa brasileira especialista em tecnologia para o varejo. Líder no mercado de software de gestão, com 45,6% de market share do mercado varejista, conforme atesta o IDC. Toda a expertise da Linx na jornada de compra é transformada em insights fundamentais para atingir o que os varejistas mais esperam: fidelizar seus consumidores e atingir resultados concretos e relevantes. Com capital aberto na B3 desde 2013, a Linx também se tornou a primeira empresa brasileira de software com capital aberto na NYSE, em 2019. A empresa possui mais de 3,5 mil colaboradores distribuídos entre sua sede em São Paulo, 15 filiais pelo Brasil e 5 países da América. Para saber mais, acesse www.linx.com.br/imprensa.

Informações para a Imprensa

linx@jeffreygroup.com

+55 11 3185-0874

 

 

 

 

 

 

Nosso website faz uso de cookies. Para mais informações, acesse nossa Política de Cookies.

Vendas pelo Whatsapp

Ou via
chat