Compartilhe

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Linkedin Compartilhar no Twitter Compartilhar no Whatsapp

Quer vender mais no delivery? Veja 7 estratégias agora!

Quer vender mais no delivery? Veja 7 estratégias agora!

As mudanças na dinâmica social fizeram com que as pessoas passassem a exigir serviços cada vez mais rápidos e eficientes. A sensação de falta de tempo está presente no dia a dia de todos e nesse contexto imediatista o serviço delivery está ganhando cada vez mais espaço e atraindo mais clientes. Gestores de restaurantes estão buscando novas alternativas para vender mais no delivery e aproveitar esse aumento da demanda.

Tais esforços têm se provado frutíferos, já que diversos relatórios mostram um crescimento imenso no delivery em 2020. Para os próximos anos, a tendência segue sendo de crescimento, já que alimentar-se em casa tem se tornado um hábito cada vez mais arraigado em nossa sociedade e os serviços de entrega têm se tornado cada vez melhores e mais lucrativos. Tudo isso, aliado às novas tecnologias dos aplicativos de entrega, tem indicado uma grande oportunidade de negócio para bares e restaurantes.

Mas que estratégias adotar para vender mais nesse modelo operacional? Se você quer otimizar o desempenho do seu negócio, continue a leitura e veja que mudanças podem fazê-la faturar muito mais!

1. Tenha uma estratégia omnichannel

Para atender e chegar ao maior número de pessoas é fundamental estar presente em diversos canais de venda, sejam eles online ou offline, e oferecer aos clientes um processo de atendimento muito mais encantador e eficiente por meio de uma estratégia omnichannel.

Atender os consumidores por diferentes canais, como aplicativo e site próprio, marketplaces, WhatsApp, pelas redes sociais ou até mesmo presencialmente (caso do take away), traz muitos benefícios para o restaurante. Entre eles, se destacam o aumento considerável das vendas, fidelização dos clientes, melhora no processo de coleta de dados, além de permitir desenvolver estratégias de promoção de acordo com as preferências dos clientes.

2. Construa uma plataforma própria de delivery

Depender apenas de plataformas de terceiros para ofertas seus produtos e se relacionar com seus consumidores é dar um tiro no pé. O restaurante precisa ter controle de sua operação delivery, tendo flexibilidade para fazer ações de marketing e autonomia para construir a estratégia que julga melhor. Ficar às sombras dos marketplaces prejudica o alcance e reconhecimento de sua marca. Além disso, as altas taxas, que podem chegar a 30% por pedido, cobradas pelos marketplaces podem inviabilizar a operação delivery de um restaurante.

Para melhorar os resultados, uma excelente saída é construir um aplicativo e site próprios com a marca do seu estabelecimento, construindo assim, um canal direto junto ao consumidor. Sem taxas de comissionamentos, você pode investir esse dinheiro que seria perdido em outras partes mais estratégicas do seu negócio. Além disso, as informações dos consumidores ficam com o restaurante, que pode se relacionar de forma mais próxima e personalizada com seu público.

3. Use as mídias sociais como canais de vendas

As mídias sociais podem ser mais do que um mero canal de comunicação e interação. Elas devem ser usadas como um canal de venda para incrementar o faturamento do seu estabelecimento. A sacada aqui é estar onde os seus clientes estão, afinal, todos nós usamos as mídias sociais diariamente. Por meio de chatbots, ofereça a seus clientes a possibilidade de realizar pedidos com agilidade, de forma intuitiva e interativa, e sem a necessidade de contratar mais profissionais para isso. É aumento das vendas sem a necessidade de investir muito. É isso que todo gestor deseja, não é mesmo?

4. Esteja presente também nos marketeplaces

As inovações no ramo de entregas permitiram o uso de aplicativos de pedido para facilitar o canal de compras para os clientes. O uso desse tipo de aplicativo normalmente é taxado, como dito mais acima, mas é uma excelente oportunidade para que novos clientes conheçam o seu estabelecimento. Milhões de pessoas acessam essas plataformas diariamente e você precisa estar presente nestes canais de vendas para atrair novos consumidores. A estratégia ideal é ir aos poucos migrando esses novos consumidores para as suas plataformas, app próprio, site e mídias sociais. Assim, você mantém a roda girando a seu favor, tendo novos consumidores entrando com frequência e construindo uma base cada vez maior de clientes fiéis.

5. Explore mídia paga para alavancar seu alcance

Ampliar sua audiência de modo orgânico é vital, porém é um investimento de médio prazo. Principalmente para quem está abrindo um restaurante, é interessante investir em mídia paga, já que este tipo de ação traz retorno imediato. Isso ajuda a trazer novos consumidores, os quais irão disseminar a sua experiência em seus ciclos de relacionamento.

Além dos buscadores, as redes sociais também têm mecanismos que permitem campanhas locais, ampliando ainda mais o potencial de divulgação e de promoções. A ideia é vender mais, fortalecer a marca e fidelizar novos clientes. Para tanto, as campanhas devem ser honestas, as fotos dos produtos devem ser reais e o cliente precisa receber o que foi prometido.

 6. Tenha boas fotos de seus produtos

Muitas vezes você está passeando por uma rede social e de repente aparece uma imagem de um lanche apetitoso em sua tela. Isso faz você pesquisar mais sobre o restaurante e verificar os preços e, com frequência, não resiste e faz o pedido. Esse é o caso mais comum de compra por clientes das redes sociais e tudo isso começou com uma foto apetitosa.

Investir em qualidade visual é importante para conseguir demonstrar a satisfação que aquele alimento pode oferecer. Obviamente a imagem não é o começo e o fim do processo de conquista do restaurante, mas é a isca que atrai o cliente.

7. Estruture seu processo de entrega

Ter um processo de entrega bem estruturado e eficiente vai garantir tranquilidade para o gestor e satisfação aos clientes, além de estabelecer com clareza o custo logístico da operação. Nesse caso, é necessário estabelecer uma demanda estimada, a região que será realizada entrega, qual o tempo aproximado do envio e qual o tamanho da equipe de entregadores é necessário para atender a todos.

Também é importante repassar para os consumidores um tempo de entrega que seja mais ou menos 15% superior ao tempo normal. Isso permite que, caso haja algum atraso, o cliente não se sentirá prejudicado ou então, se em um cenário positivo a entrega ocorrer em tempo normal, o consumidor ficará satisfeito com uma entrega mais rápida do que o esperado.

Ao utilizar essas estratégias, é possível chegar a novos clientes e fidelizar mais pessoas. Em um mercado que se torna cada vez mais competitivo, é indispensável adotar estratégias e melhorias constantes para atentar para as mudanças de comportamento dos consumidores.

Gostou do nosso conteúdo? Então siga nossas páginas nas redes sociais e tenha acesso a mais informações de valor como essa! Estamos no Facebook, Instagram, LinkedIn e YouTube!

Nosso website faz uso de cookies. Para mais informações, acesse nossa Política de Cookies.

Vendas