Como vender mais pelo mobile commerce?
Transformação Digital

Como vender mais pelo mobile commerce?

O mobile commerce como canal de venda é uma boa oportunidade para estreitar o relacionamento com o cliente de forma personalizada. Saiba como sua marca pode aproveitar essa tendência 

As compras por dispositivos móveis são cada vez mais  expressivas para o varejo. Não é exagero dizer que o smartphone é, na maioria dos casos, a porta de entrada para a jornada de compra dos clientes. Muitas vezes, é por meio dele que as transações são concluídas: 91% dos consumidores já compraram pelo celular em algum momento.

Como vender mais pelo mobile commerce

A importância do mobile ficou clara na Black Friday 2021. De acordo com números da Linx Digital, os dispositivos móveis tiveram uma participação de 73,8% nas vendas da principal data promocional do ano. A conclusão é muito clara: quem oferece uma experiência ruim no site mobile ou no aplicativo perde espaço no mercado.

Isso é ainda mais importante quando levamos em conta as gerações mais novas. A Geração Z (os adolescentes de hoje) e a Geração Alpha (as atuais crianças) convivem com o smartphone desde pequenas e crescerão, cada vez mais, em um contexto mobile first. Para elas, o relacionamento com marcas, produtos e serviços acontece a partir do celular – e a tolerância para experiências ruins é muito pequena.

Para vender cada vez mais pelos dispositivos móveis, o varejista precisa estar preparado. Vale a pena prestar atenção nestas 7 dicas para ampliar sua presença mobile: 

1) Ofereça uma experiência fora do comum

O nível de exigência dos consumidores é cada vez maior. Uma experiência incrível se torna a nova referência, o mínimo a ser atingido pelos varejistas. Como disse John Furner, presidente e CEO do Walmart US, durante a NRF 2022: “Fidelidade no varejo é simplesmente a ausência de uma alternativa melhor”. Seu negócio precisa ser, a todo momento, a melhor opção possível para o cliente.

No mobile commerce, a melhor experiência precisa ser responsiva. O consumidor quer que o e-commerce se adapte ao equipamento que ele está usando – e não o contrário. Menus, botões, espaços clicáveis, mensagens, tudo precisa funcionar perfeitamente em qualquer modelo de celular. 

2) Invista em mobile apps

Ter um site que funciona perfeitamente em qualquer smartphone é o primeiro passo. Para ampliar o engajamento com o consumidor, é preciso investir em mobile apps. Em 2019, 57% dos consumidores americanos usaram um aplicativo mobile para saber mais sobre produtos: antes da pandemia, a maioria já ia direto ao app do varejista para encontrar soluções.

Não é à toa que apps mobile convertem 157% mais que navegações no smartphone. Seja em supermercados, no foodservice ou em qualquer outro setor, aplicativos mobile possibilitam a manutenção do relacionamento com o cliente por mais tempo, desenvolvem promoções personalizadas e entendem melhor o comportamento dos consumidores. 

3) Esteja atento ao social commerce

Vender pelo smartphone é essencial, mas é preciso estar atento a uma grande tendência: o social commerce. Uma vez que as redes sociais são cada vez mais importantes no engajamento com o cliente, é natural que elas cresçam também como um canal de vendas.

Dessa forma, sua estratégia comercial mobile precisa incorporar o social commerce. Para conferir capilaridade ao seu negócio, integre o uso de redes sociais (Facebook, Instagram TikTok, Youtube, entre outros) às suas estratégias de aquisição, engajamento e vendas.  

4) Seja omnichannel – como o seu cliente

Para o consumidor, não existe separação entre online e offline: o omnichannel é uma realidade. Mesmo que usem seus celulares para iniciar a jornada de consumo, metade dos clientes usa mais de 4 pontos de contato até finalizar a compra. Eles podem preferir finalizar a compra na loja, retirar o produto no PDV ou recebê-lo rapidamente em casa – e, para isso, a loja precisa se transformar em um hub de distribuição.

A multicanalidade garante que o consumidor será muito bem atendido – e com isso, ele comprará mais. Segundo o IDC, clientes omnichannel gastam em média 4% mais em suas idas à loja física e 10% mais que clientes monocanal. Mais oportunidades surgem quando o varejo integra todas as suas plataformas de contato com o cliente. 

5) Use mobile chatbots

Experiências relevantes no mobile dependem de velocidade e automação do relacionamento das marcas com os clientes. É por isso que 54% das pessoas preferem contatar um chatbot do que um atendente humano. Ninguém quer perder tempo – e os chatbots entregam velocidade e personalização do relacionamento.

Ao resolver dúvidas dos clientes, os chatbots melhoram a experiência de consumo e oferecem novas oportunidades de converter vendas – ou de impedir que o cliente migre para a concorrência. Por isso, eles serão um recurso cada vez mais importante para o varejo. 

6) Adote Realidade Aumentada e Realidade Virtual

Recursos de Realidade Aumentada (RA) e Realidade Virtual (RV) existem há muitos anos – e quanto mais os smartphones evoluem, maiores as possibilidades dessas tecnologias para o varejo. Quando bem aplicados, recursos de RA ajudam os clientes a comprar melhor, perceber a diferença entre diversos modelos de produtos e ter um relacionamento mais eficaz com as marcas. 

7) Prepare-se para o live commerce

O live commerce, ou live streaming, é a união entre transmissões em vídeo e vendas. Um sucesso absoluto no mercado chinês, ainda é pontual no Brasil – mas com grande potencial de crescimento. É uma oportunidade para integrar as lojas físicas às vendas digitais,  simulando a experiência do PDV no mundo digital.

Do ponto de vista do mobile, o live streaming é cada vez mais importante. Afinal de contas, é uma forma eficiente de manter o consumidor engajado por mais tempo. E quanto maior a interação, mais dados podem ser obtidos sobre o cliente – e maior a possibilidade de estreitar o relacionamento de forma personalizada. 

Ebook_tendencias_digitais_2022

As possibilidades do mobile commerce são imensas – e continuam evoluindo. Para os consumidores, especialmente das gerações mais novas, o smartphone é a principal ferramenta de comunicação e interação. Se o varejo quer crescer e ganhar espaço nos próximos anos, é inevitável que precise reforçar sua presença digital. O caminho para isso é se colocar na palma da mão do consumidor. 

A Linx Digital conta com soluções que integram mobile, e-commerce, lojas físicas e outros canais de relacionamento com os clientes para aumentar suas vendas e criar um varejo mais eficiente, relevante e personalizado. Conte com a gente para ajudar você nesta jornada.

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

Nosso website faz uso de cookies. Para mais informações, acesse nossa Política de Cookies.

Vendas pelo Whatsapp

Suporte
ao cliente