Mercado ótico: 7 tendências para ficar de olho
Óticas

Mercado ótico: 7 tendências para ficar de olho

Os próximos anos serão de expansão para o segmento de óticas. Saiba como estar preparado para aproveitar as oportunidades que vão surgir no mercado ótico.

O mercado ótico brasileiro e mundial vive um momento de efervescência. Ao mesmo tempo em que o pós-pandemia tem visto a retomada de um consumo represado, os óculos continuam ganhando espaço como item de moda e o uso de novas tecnologias tem transformado a experiência dos clientes ao longo de toda a jornada de escolha, compra e uso dos produtos. 

Em todo o mundo, é um mercado que deve saltar de US$ 114,95 bilhões em 2021 para US$ 172,42 bilhões em 2028, com um crescimento médio anual de 6%, segundo a Fortune Business Insights. É um segmento muito fragmentado, com uma grande variedade de fornecedores e varejistas, embora alguns operadores internacionais estejam iniciando um processo de consolidação. 

Para o varejo ótico, este pode ser um momento de oportunidades, uma vez que existem vários caminhos de evolução dos negócios e os consumidores estão ávidos por novidades que diminuam o tempo de atendimento, facilitem a jornada de compra e aumentem sua satisfação com o produto recebido. 

mercado ótico

Para entregar mais velocidade, conveniência e experiência para os clientes, as empresas do setor ótico precisam estar atentas a estas 7 tendências que terão um impacto cada vez maior na decisão de compra dos consumidores:   

1. Impressão 3D 

A tecnologia de impressão 3D tem pelo menos 10 anos, mas ela vem se tornando cada vez mais acessível e abrindo novas possibilidades de uso. Para o setor ótico, a impressão 3D tem a grande vantagem de facilitar a customização de óculos, de uma forma rápida e prática. Com o uso da tecnologia, os produtos podem se adaptar às características físicas dos clientes, fazendo com que todos os óculos tenham um caimento perfeito.   

2. Moda fast fashion 

Ficou para trás o tempo em que os óculos eram recursos exclusivamente de saúde. Cada vez mais, eles são acessórios de moda, pois emolduram o rosto das pessoas e ajudam a comunicar a personalidade dos indivíduos. As redes de varejo de moda perceberam essa tendência e incluíram os óculos em seu mix de produtos, aumentando a concorrência com redes especializadas.   

3. A influência das redes sociais 

Outro fator muito importante no posicionamento dos óculos como um item de moda é a influência das redes sociais no comportamento dos consumidores. Instagram e TikTok têm aberto novas possibilidades de interação com os clientes e ajudado a comunicar a mensagem de que os óculos são uma forma de marcar o posicionamento de cada pessoa no mundo. 

O personal branding passa pela escolha das lentes e armações para cada momento do dia. Um exemplo radical disso acontece em países como Japão, Coreia e China, em que as pessoas têm adotado lentes de contato coloridas para aumentar seu valor estético e serem vistas como mais desejáveis.   

4. Estamos mais míopes 

Em boa medida, o crescimento projetado para o mercado ótico nos próximos anos se dará por conta da vida cada vez mais digital das pessoas. O uso intensivo de computadores e smartphones vem aumentando o número de casos de miopia em todo o mundo: segundo a Organização Mundial de Saúde, entre 2015 e 2020 houve 2,2 bilhões de novos casos. 

O envelhecimento da população mundial também contribui para o aumento do uso de óculos. No Brasil, por exemplo, dados do IBGE indicam que nos próximos 40 anos, o número de brasileiros com mais de 65 anos triplicará, chegando a 25% de toda a população. Uma população que vive mais tende a precisar mais de óculos.   

5. Transformação das lojas físicas 

Dados da Grandview Research mostram que quase 80% das vendas do setor ótico mundial em 2021 aconteceram nas lojas físicas. A maior preocupação das pessoas com a saúde visual e as possibilidades abertas por novas linhas de produtos criam motivos extras para novas visitas às lojas e checkups periódicos. Mesmo com o crescimento do varejo digital, a experiência no ponto de venda continua sendo essencial para gerar vendas. 

Mas o PDV não pode continuar a ser o mesmo do passado. O consumidor mudou, está mais exigente e digitalizado. Recursos como a simulação de lentes progressivas, antirreflexo e polarizadas em um aplicativo disponível no celular ou em um tablet mudam o relacionamento do cliente com os óculos, e da loja com o consumidor. 

O uso de tecnologias como a simulação digital de lentes e Realidade Aumentada permite que o cliente experimente mais opções, tornando a experiência de compra mais agradável e deixando o consumidor mais seguro de que está tomando a melhor decisão.   

6. Novos meios de pagamento 

A experiência de compra dos clientes também passa pelos processos de pagamento. A incorporação de carteiras digitais, QR Codes, Pix e outros meios digitais simplifica o processo de pagamento e acelera a gestão dos negócios. A jornada de compras dentro da loja muda e o vendedor pode estar mais tempo perto do cliente, oferecendo um melhor atendimento.   

7. Uma nova visão para o negócio 

As transformações na jornada de compras do mercado ótico também impactam a gestão do negócio. A digitalização do relacionamento com o cliente estimula as redes de óticas a adotar soluções de gestão completas, que permitem visualizar relatórios em tempo real, fazer o gerenciamento da frente de caixa e das rotinas fiscais, controlar melhor os estoques e otimizar o atendimento ao cliente. 

Com soluções que rodam na nuvem, óticas de todos os tamanhos podem, com um baixo investimento em infraestrutura, integrar todas as informações do negócio em um único sistema. A consequência é mais conhecimento sobre os clientes e a possibilidade de realizar melhores ofertas e promoções. 

O setor ótico está diante de perspectivas muito positivas para os próximos anos. As empresas que estiverem bem preparadas terão grandes oportunidades de crescimento e fidelização dos clientes. 

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

fale com a gente!