Compartilhe

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Linkedin Compartilhar no Twitter Compartilhar no Whatsapp

Marketing de franquias: veja 4 boas estratégias para aplicar!

Marketing de franquias: veja 4 boas estratégias para aplicar!

A busca por clientes está mais acirrada do que nunca. Por conta disso, um bom planejamento estratégico é indispensável para se destacar no mercado. Em um ambiente tão competitivo, cabe ao empreendedor definir quais estratégias de marketing de franquias são adequadas e como implementá-las no projeto.

Estabelecer métricas e utilizá-las na publicidade da sua empresa vai permitir gerar mais leads para a equipe de vendas e elevar o lucro do projeto. Assim, direcionar os esforços do setor de marketing para criar soluções assertivas e focadas na demanda do público vai permitir obter uma franquia de sucesso. Se você quer saber como melhorar o desempenho do seu projeto, continue a leitura e confira agora mesmo!

Qual a importância do marketing de franquias?

A melhor forma de obter lucros extraordinários em qualquer negócio é por meio da valorização da marca. Isso só ocorre quando as estratégias de marketing cumprem seu papel de modo assertivo e os clientes percebem valor além do produto e do serviço oferecido. Esse trabalho, quando realizado de modo eficiente, assegura que sua empresa se destaque durante e depois das campanhas.

Enquanto esse planejamento é construído o grau de reconhecimento de sua marca, desde a sua criação até o momento em que ela se torna uma referência para o mercado. Para que isso ocorra, é necessário investir em ações que gerem engajamento e reconhecimento. Isso vai permitir que o negócio ganhe características de um monopólio e possa praticar um nível de preços acima do nível de mercado.

Quais estratégias devem ser aplicadas?

As estratégias escolhidas devem ter um único propósito: vender mais, com mais qualidade e com o melhor atendimento. A partir de então, trabalhar para que os leads se tornem clientes e, posteriormente, fazer com que eles se tornem promotores de sua marca. Assim, listamos as estratégias mais importantes para cumprir com tais propósitos.

1. Crie personas

Criar uma persona vai ajudar a visualizar com mais clareza quais as dores de sua demanda e, por consequência, quais soluções são mais adequadas para esse público. Além disso, a definição de um público-alvo permite identificar qual a melhor forma de abordagem e quais canais de comunicação adotar para chegar até essas pessoas.

A persona de uma hamburgueria, por exemplo, pode ser denominada como a Ana: uma pessoa jovem de 20 anos que gosta de música ao vivo, utiliza frequentemente as redes sociais e possui uma vida noturna mais agitada. Nesse caso, você sabe quais estratégias podem ser mais eficientes para chamar a atenção dela.

Usar campanhas no Instagram ou no Facebook pode atraí-la para o seu negócio e contribuir para sua fidelização à empresa. Também é possível adotar um linguajar menos formal em suas redes sociais e abordar conteúdos de valor para ela.

Produzir materiais sobre os melhores drinks para fazer em casa, como se organizar para receber amigos, quais as etapas para preparar alguma receita especial, enfim, qualquer conteúdo que esteja relacionado com os interesses dela tem o potencial de atrair e manter seu interesse no negócio.

marketing-de-franquias-destaque

2. Mapeie a jornada de compra

A jornada de seus consumidores depende muito do ambiente e do nicho em que está inserido. Para avaliar quanto tempo, em média, o cliente leva para concluir a trajetória de compra, basta verificar as métricas do seu site ou demais canais que recebam o primeiro contato do consumidor até a hora da venda. A jornada do cliente é dividida em quatro etapas:

Aprendizado e descoberta

Nesse momento o cliente está descobrindo o problema que ele tem. Aproveite esse momento para produzir conteúdo de topo de funil e focar em esclarecer as dúvidas dos consumidores.

Reconhecimento do problema

Após consumir uma boa quantidade de conteúdo o cliente entende qual o problema que ele possui. Nesse momento, você começa a apontar suas soluções para a questão.

Consideração da solução

Nesse ponto o cliente começa a considerar as alternativas para resolver seu problema. Aqui você aponta suas soluções, explora as provas sociais do seu produto ou serviço e afirma os diferenciais do seu negócio.

Decisão de compra

A etapa final do processo onde o indivíduo decide realizar a aquisição do bem ou serviço. Nesse momento você deve falar diretamente do seu produto, apontar os cases de sucesso e aproveitar das vantagens provenientes do relacionamento que você construiu com esse cliente. Entender como o consumidor passa por essas etapas permite desenvolver mecanismos para acelerar esse processo.

3. Mensure os dados

Você só consegue ter certeza de que uma estratégia, um produto ou um serviço, são eficientes se houver dados para corroborar. Há muitas métricas que você pode incluir para avaliação do desempenho de qualquer característica no seu negócio.

Conversão de leads

Indicadores como a conversão de leads, aponta qual o percentual de pessoas que mede a eficiência do seu processo comercial. Para obter esse valor, basta dividir o número de leads pelo número total de sua audiência. Como, por exemplo, (200 leads/ 1000) visitantes *100, você obtém uma taxa de conversão de 20% e pode compará-la com outros períodos e mudanças efetuadas.

Ticket médio

Esse indicador aponta o quanto seus clientes gastam, em média, na sua loja. Conhecer esse valor permite verificar se as estratégias de vendas estão chegando a mais pessoas ou se você está fazendo com que cada cliente compre mais. Para chegar a esse valor você necessita dividir o faturamento total pelo volume de vendas.

Assim, se o seu ticket médio é de 150 reais, esse é o valor aproximado que cada cliente gasta em seu estabelecimento. Saber quanto a essa informação permite verificar se as suas estratégias para otimizar as vendas estão surtindo efeito nos clientes.

Banner CTA_Tendencias varejo 2021

4. Saiba usar as redes sociais

As redes sociais são uma das melhores alternativas para entrar em contato com seu público, realizar pesquisas de mercado e lançar campanhas. Utilizar de modo adequado essa ferramenta permite atrair mais leads, converter mais clientes e fidelizar mais pessoas à sua marca.

Franquias de alimentação, por exemplo, podem explorar a qualidade visual de seus pratos, mostrar os bastidores de sua produção e criar ofertas especiais distribuídas com tráfego pago. Já para as drogarias, as redes sociais podem ser usadas para ampliar o conhecimento dos clientes sobre as doenças e tratamentos, envio de ofertas da semana e guiar os clientes com um passo a passo sobre o uso de dermocosméticos.

Quais os benefícios de aplicar essas estratégias?

Ao seguir essas recomendações, é possível compreender melhor as necessidades do seu público, desenvolver soluções mais assertivas e aumentar a rentabilidade do projeto. Assim, apostar em estratégias para o marketing de franquias é indispensável para que seu negócio permaneça competitivo e alcance mais espaço no mercado.

Quer saber mais sobre quais as melhores estratégias para otimizar seus resultados? Então siga nossa página nas redes sociais! Estamos no Facebook, Instagram e LinkedIn!

Nosso website faz uso de cookies. Para mais informações, acesse nossa Política de Cookies.

Vendas