Link de pagamento no setor farmacêutico
Farmácias e drogarias

Link de pagamento no setor farmacêutico

Por Guilherme Pivetta Viani, analista de negócios do segmento de farmácias na Linx

Com o surgimento da pandemia do Covid-19 no começo de 2020, o isolamento social das pessoas diminuiu consideravelmente a circulação social. O comércio em geral viveu uma grande transformação, passando a utilizar protocolos de segurança, como máscara, álcool em gel e distanciamento entre as pessoas. Neste cenário, o segmento farmacêutico manteve suas vendas, pois respeitando os protocolos de segurança puderam se manter operando. Dessa forma, houve diminuição de impacto no negócio.

Outro fator que beneficiou o setor farmacêutico foi o bom movimento de delivery, as tele entregas como são chamadas. Durante a pandemia, as pessoas mantiveram as compras de medicamentos, portanto as vendas por meio de tele entregas tiveram um aumento considerável. Mas com o incremento desse modelo de jornada, vieram alguns contratempos que obrigaram as farmácias a se adaptarem, como: necessidade de aumentar o número de entregadores para suprir as entregas e quantidade de equipamentos para recebimento em cartão, já que agora é necessário um para cada entregador. Isso porque grande parte das vendas em tele entregas são realizadas por meio do cartão.

Outro cenário comum na tele entrega é o fato de alguns clientes realizarem o pedido via telefone e, no momento que a mercadoria chega, o consumidor desiste da venda. Essa situação acarreta custo de entrega para a farmácia, já que muitas vezes os entregadores são terceirizados. Diante deste cenário, o ideal é que as vendas somente fossem despachadas a partir do momento que seus pagamentos fossem confirmados, reduzindo assim a possibilidade de perdas financeiras para as farmácias.

O processo atual de pagamento também encontra dificuldades em situações em que o local de pagamento é diferente do local de recebimento. Por exemplo, pessoa está em seu local de trabalho e quer que um determinado medicamento seja entregue em sua residência, porém a cobrança (via cartão) será realizada no seu local de trabalho. Neste cenário, as farmácias acabam cobrando duas taxas de entrega, uma para realizar a cobrança e outra para efetivamente realizar a entrega. Um cenário parecido ocorre quando o comprador está em outra cidade e a entrega é na cidade na qual a farmácia está localizada. Neste último caso, clientes já relataram que o consumidor passou o número do cartão para a realização do pagamento, o que não é a maneira mais segura de efetuar a transação.

Diante desses fatores surgiu a necessidade de melhorar a forma de pagamento das vendas de tele entregas, e a maneira mais conveniente para ambos é o envio de uma cobrança para o consumidor. Essa cobrança é encaminha após a realização do pedido, o consumidor recebe via e-mail ou WhatsApp um link para realizar o pagamento de seu pedido. Com esta nova forma de pagamento, o consumidor pode realizar a sua compra mantendo o distanciamento social, pois não tem contato físico com a máquina de cartão e recebe seu pedido em casa. Esta forma de pagamento incentiva a compra não presencial diminui a concentração de pessoas na loja e ainda permite que o estabelecimento aumente suas vendas remotas sem a necessidade de adquirir novas máquinas de cartões.

O contratempo do local de pagamento ser diferente do local de entrega foi minimizado com o envio da cobrança, pois o consumidor realiza o pagamento on-line e a entrega é realizada onde ele desejar, sem a necessidade de cobrança de taxa extra de entrega.

A utilização desta forma de pagamento também mudou outros cenários das formas de pagamento de tele entrega, por exemplo nos casos onde é necessário enviar troco para o cliente. Como o entregador pode ser terceirizado, depois da entrega ele precisava retornar até a farmácia para entregar o valor recebido, além da máquina de cartão.

Portanto, em momento tão atípico como o que estamos passando, o sistema de gestão de farmácias da Linx disponibiliza ferramentas importantes diante das transformações do segmento farmacêutico, como o link pagamento. Dessa forma, apoia o varejista na missão de manter as vendas e aumentar os cuidados das pessoas durante a pandemia. A solução continuará a ser útil para o cliente mesmo após o fim da pandemia, com as vendas tele entrega.

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

Nosso website faz uso de cookies. Para mais informações, acesse nossa Política de Cookies.

Vendas pelo Whatsapp

Suporte
ao cliente