Integrações de sistemas: a chave para impulsionar suas vendas

Integrações de sistemas: a chave para impulsionar suas vendas

O varejo precisa estar atento à capacidade de integrações de seus sistemas para ter um negócio que funciona na velocidade dos seus clientes.

A evolução do varejo omnichannel para o Unified Commerce faz com que as empresas precisem oferecer para seus clientes experiências cada vez melhores, mais rápidas e convenientes. Não basta atender bem os clientes: é preciso fazer isso no momento que o consumidor quiser – e da maneira como ele quiser. 

Para conseguir atender o cliente com agilidade e flexibilidade, o varejo precisa repensar sua arquitetura de tecnologia. Afinal de contas, não basta incluir uma nova solução ou passar a vender pelo WhatsApp. Se o consumidor não for percebido como único dentro da empresa e não tiver sua jornada acompanhada a todo instante, a experiência de compras será prejudicada – e seu negócio pode perder a preferência do cliente. 

No varejo omnichannel e no Unified Commerce, as integrações de sistemas farão uma enorme diferença na capacidade que o varejo tem em responder às necessidades dos clientes. Imagine, por exemplo, que um cliente tenha acessado o site da loja e gostado de um produto. Ele decide, então, ir até a loja conferir pessoalmente aquele item. Acessa o SAC da empresa para saber qual loja possui o item e vai até lá. O varejista, ao identificar o cliente na loja, consegue entender sua intenção e apresenta aquele produto para que o consumidor tome a decisão de compra. 

Agora, imagine o que aconteceria se o varejista não tivesse uma integração dos diversos canais em tempo real. A informação do SAC não estaria disponível para que o vendedor apresentasse o produto desejado – e a possibilidade de frustração da experiência seria grande. 

integrações de sistemas

É por essa razão que reunir toda a gestão do seu negócio em uma única plataforma e trabalhar com apenas um fornecedor traz muito mais agilidade e eficiência ao seu negócio. Ao fazer isso, uma série de integrações de plataformas passa a acontecer de forma nativa, acelerando a transmissão de informações dentro da empresa e levando a uma experiência de compras mais fluida.  

Mas e no mundo real? 

OK, falar em informações que transitam em tempo real em toda a empresa e dão ao varejo a capacidade de conhecer o cliente quase telepaticamente pode parecer utópico – mas a evolução da tecnologia vem fazendo com que isso se torne cada vez mais próximo do dia a dia de empresas de todos os segmentos. 

Por isso, o varejista precisa estar atento à capacidade de integrações de seus sistemas. Somente dessa forma é possível gerar um negócio que funciona na velocidade dos seus clientes. Assim, avalie a possibilidade de fazer um upgrade na integração de soluções como:  

ERP 

O Enterprise Resource Planning (ERP) é o centro nervoso da operação de todo negócio que precisa gerenciar estruturas complexas. Por isso, contar com um ERP se torna essencial para centralizar a entrada de dados, reduzir custos, diminuir a possibilidade de erros, melhorar a gestão dos pontos de atendimento ao cliente e garantir que a mesma informação esteja disponível em toda parte.  

OMS 

O Order Management System (OMS) é o sistema que faz o gerenciamento dos pedidos feitos pelos clientes nos mais variados canais de compra – e permite direcionar a entrega para o caminho mais adequado, de acordo com o nível de estoque, capacidade logística e prazo de delivery. É o OMS que permite que o varejo seja omnichannel, já que, a partir dele, é possível fazer com que pedidos sejam feitos, pagos e entregues ao cliente em canais diferentes.  

Mobilidade 

Soluções de mobilidade como o Linx Mobile permite que um pedido feito na loja física apareça no sistema da loja online e o cliente faça o showrooming (ver o produto no PDV e comprar online). Utilizada no celular ou tablet, a solução oferece um atendimento eficiente para agilizar as vendas e dar mais flexibilidade à visualização de produtos e ao checkout, incluindo recursos de prateleira infinita. 

Marketplaces 

Os marketplaces são, hoje, o grande motor das vendas online no varejo brasileiro. Estar fora desse canal significa perder oportunidades de negócios, mas não basta estar em apenas uma plataforma: aparecer para diferentes clientes em vários marketplaces abre uma série de possibilidades estratégicas: 

  • Testar a aceitação de produtos;
  • Identificar oportunidades de mercado;
  • Aumentar o alcance dos negócios;
  • Estar mais próximo dos clientes.

Atuar em marketplaces, porém, traz vários desafios, como a necessidade de gerenciar pedidos, entregas e publicidade em até dezenas de plataformas. Por isso, um hub que faça a integração com mais de 70 marketplaces (dos generalistas aos de nicho) dá agilidade e flexibilidade para o varejista gerenciar seus negócios.  

Plataformas de delivery 

Outra integração essencial para fazer acontecer o omnichannel está na logística. O delivery é um aspecto essencial de diversos segmentos do varejo e, por isso, organizar os processos de entrega de lojas, dark stores e Centros de Distribuição centraliza os pedidos, melhora a gestão de estoques e abre a possibilidade de que o varejo tenha seu próprio aplicativo e/ou site de pedidos. 

Com um sistema para delivery, negócios de segmentos como o foodservice ganham agilidade, oferecem melhores experiências para os clientes e evitam a perda de pedidos. Além disso, uma plataforma de gestão de pedidos melhora o controle financeiro, controla as compras de forma ágil e impulsiona a fidelidade dos consumidores. 

Pagamentos 

Os meios de pagamento podem ser um grande diferencial do varejo, uma vez que têm o potencial de trazer mais agilidade, oferecer experiências de compra mais fluidas para os clientes e melhorar a gestão dos processos administrativos-financeiros. Um bom exemplo é a conciliação de meios de pagamento, como boletos, cartões e carteiras digitais: uma boa gestão acelera o fluxo de caixa, evita o pagamento incorreto de taxas e multas, e reduz os índices de inadimplência do varejo. 

As integrações de sistemas aumentam a velocidade e a confiabilidade da gestão do varejo, além de oferecer uma melhor experiência aos clientes e trazer mais oportunidades de venda. Olhando para o futuro, esse é um caminho essencial para que o varejo se mantenha competitivo. 

A Linx conta com uma série de soluções digitais que são integradas nativamente, dando mais robustez e segurança para o seu negócio. Conte com a gente para você vender cada vez mais! 

  

unified commerce

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

fale com a gente!