Compartilhe

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Linkedin Compartilhar no Twitter Compartilhar no Whatsapp

Por que a gestão de compras em restaurantes é tão importante? Veja!

Por que a gestão de compras em restaurantes é tão importante? Veja!

O setor de Food Service é um dos segmentos que mais cresce no Brasil, conforme aponta o relatório da Brasil Food Trends 2020. Isso indica um mercado com grande potencial de lucro e que tem atraído muitos investidores em busca de explorar estas possibilidades. À medida que mais empresas chegam a este mercado ele se torna mais competitivo. Com o intuito de preparar seu negócio para isso, é necessário rever como é feita a gestão de compras e dos demais recursos da empresa.

Como boa parte dos insumos de produção em um restaurante são altamente perecíveis, a gestão dessa matéria-prima é estratégica para um restaurante conseguir usar da melhor forma os seus produtos, baixar os custos e extrair deles o melhor resultado. Mas como gerenciar estes insumos de modo eficiente? Se você ainda não sabe como aproveitar ao máximo seus recursos, continue a leitura e confira!

Qual a importância de uma boa gestão de suprimentos?

Se a gestão de compras é realizada de modo eficiente, ela contribui para a otimização de todos os recursos, permitindo que se reduza o desperdício de alimentos e melhorando consideravelmente os lucros da empresa.

Pense que o estoque funciona como o coração de um restaurante e gerir seus recursos envolve boas aquisições e negociações com fornecedores, impactando diretamente no resultado final e na satisfação dos clientes. Se sua equipe não for eficiente neste ponto, provavelmente seu estabelecimento não produzirá com eficiência e nem trabalhando com lucro máximo.

Como fazer a gestão de compras do seu restaurante?

São muitos os aspectos que devem ser considerados para fazer uma boa gestão de negócios da empresa. Você precisa selecionar os melhores produtores, buscar fornecedores com o melhor custo-benefício e prazos e encontrar produtos de qualidade. Contudo, estes são apenas aspectos gerais para uma boa gestão, pois há de se considerar alguns aspectos específicos que impactam diretamente no resultado final.

Estabeleça objetivos e metas

Esse é o ponto de partida para melhorias no gerenciamento dos recursos do negócio. Com base na demanda do estabelecimento, é possível estimar aproximadamente quais as quantidades de cada insumo dentro de uma margem segura e efetuar as compras de cada uma. Por meio deste planejamento também é possível negociar com os fornecedores a compra de grandes volumes dos insumos mais consumidos e, com isso, obter um menor custo unitário.

Faça um diagnóstico financeiro

Considerar quais as opções de compra que são economicamente mais eficientes permite encontrar melhores opções para adquirir os recursos necessários. Pode-se optar por buscar fornecedores locais para reduzir o dispêndio com frete e também o tempo de espera ou diretamente no varejo, se a intenção é ter acesso a mais variedade de bens.

Esse tipo de comparativo permite verificar que situação é a mais financeiramente viável e define os canais de compra mais adequados para utilizar.

Planeje as vendas por meio de projeções

O estabelecimento de métricas para as vendas fornece o diagnóstico necessário para a compra de matérias-primas necessárias. Esse tipo de projeção deve estar adaptado para os períodos normais e também para a sazonalidade referente a épocas festivas e de maior demanda. O planejamento serve não apenas para evitar o desperdício de insumos em períodos de baixa demanda, mas também para evitar a falta deles em momentos onde há aumento nas vendas.

Desta forma, seu restaurante fica preparado para lidar com a sazonalidade da demanda e consegue atender a todos os clientes em diversos períodos, sem gerar desperdícios. .

Controle bem de perto o seu estoque

A falta de organização nos estoques pode ser um grave problema, principalmente para grandes estabelecimentos que utilizam diversos produtos para a composição de seu cardápio. Desenvolver meios de catalogar todos os recursos e atualizar o seu consumo em tempo real vai permitir estimar a demanda de cada item diariamente e evitar faltas inesperadas de mercadorias que deveriam estar no estoque, mas já estavam em falta. Aqui é também importante ressaltar a importância de armazenar corretamente os produtos e ficar atento às datas de validade de cada um deles.

O uso de softwares específicos para a gestão de compras é uma boa alternativa para acompanhar a variação no fluxo de estoque, as datas de validade dos produtos e garantir pleno conhecimento do que está ou não disponível.

Defina o poder de barganha dos fornecedores

Quando se pensa em negociar com os fornecedores parece que o único aspecto que importa é o preço, mas a questão vai muito além disso. O fornecedor está na ponta do seu processo produtivo e isso faz com que essa relação seja muito importante. A briga por preço deve ser feita sim, contudo deve-se assegurar que o fornecedor entregue produtos de qualidade, no prazo, com certificados legalmente exigidos, com todos os tributos pagos, enfim, com todo o pacote de boas práticas que se deve exigir do seu parceiro.

Assim, buscar o melhor preço é importante para seu empreendimento, mas não é a única coisa que vai definir quais fornecedores serão escolhidos. Para sanar este problema cabe observar as opções de fornecedores locais ou cooperativas de produtores da região. Esse tipo de parceria normalmente gera vantagens em termos de custo logístico e ainda contribui para o desenvolvimento da economia regional.

 Integre setores por meio da tecnologia

Criar uma boa gestão integrada permite coordenar da melhor forma possível todos os processos de um restaurante. Mesmo para empresas de pequeno porte é indicado o uso de um sistema integrado para que se tenha uma melhor coordenação, desde a chegada dos insumos até o momento de entregar o pedido aos consumidores.

Um sistema como esse evita a assimetria de informações em todas as etapas que compõem o serviço de um restaurante, fornecendo mais dinamismo, eficiência e redução de custos.

Assim, à medida em que a equipe de compras consegue aplicar tais práticas o negócio se torna mais competitivo e lucrativo frente à concorrência e este pode ser um diferencial crescente e sustentável.

Com o apoio da tecnologia é possível coordenar todas as atividades do seu restaurante e efetuar uma boa gestão de compras sem ter de despender muitos recursos materiais e humanos para esta tarefa, gerando economia e eficácia neste setor tão importante, e assim, alcançar um bom desempenho no mercado.

Gostou do nosso artigo? Quer saber como melhorar a gestão de recursos do seu restaurante? Então entre em contato e tire todas as suas dúvidas agora mesmo!

Ir para

Nosso website faz uso de cookies. Para mais informações, acesse nossa Política de Cookies.

Vendas