Estoque de segurança: entenda a importância para o seu negócio
ERP

Estoque de segurança: entenda a importância para o seu negócio

O estoque de segurança é muito importante para qualquer negócio, mas é preciso ter cuidado para que os produtos não fiquem parados no armazenamento. 

Para reduzir vendas perdidas e ruptura de estoque, é importante ter um estoque de segurança para poder gerenciar de forma mais eficiente a falta de uma mercadoria no momento da compra. Apesar de que para alguns lojistas isso não é um problema grave, mas acredite: é um desgaste que poderia ser evitado para o cliente. 

Quando um consumidor não encontra o produto que deseja, a ruptura de estoque afeta todo processo de venda, e claro, o cliente é forçado a procurar na concorrência o que está precisando. Além disso, o varejista neste momento acaba quebrando a lealdade do seu público com a sua marca. 

Durante uma falha no estoque, não é só o cliente que é afetado, mas toda a cadeia de suprimentos, como fornecedor, distribuidores e o sistema operacional como um todo. 

estoque de segurança

Mas, para você não precisar passar por esses problemas, vamos te explicar mais sobre estoque de segurança e como calculá-lo. Confira!

Qual a importância do estoque de segurança e a sua gestão?

É considerado um estoque de segurança quando o lojista tem uma reserva de produtos criada para enfrentar demandas excessivas, atrasos dos fornecedores, previsões incertas de demandas, falha de fazer novo pedido em tempo hábil, além das restrições financeiras, por exemplo. 

Para equilibrar toda a gestão de estoque de forma segura, é importante manter níveis de reservas alinhados com a demanda do produto. Para não ter rupturas de estoque, é necessário depois de planejar o inventário, o lojista comprar uma quantidade adicional de produtos para proteger a sua receita e manter a experiência de compra que costuma já oferecer para o seu cliente. 

Os benefícios do estoque de segurança são vários, como: reabastecer o estoque durante altas demandas e sem correr risco de ter custos adicionais; atender de forma eficiente os aumentos repentinos na procura do produto, evitar atrasos na entrega devido a reposição da mercadoria, e claro, proteger situações imprevistas do mercado. 

Mas, lembre-se, é preciso ter cautela na hora de definir o estoque de segurança, pois um cálculo errado pode provocar um excesso de produto armazenado, e logo vai impactar a vida financeira do seu negócio. 

Como calcular o estoque de segurança?

Para calcular o estoque de segurança a fórmula é básica, veja:

Estoque de segurança = (vendas diárias máximas x prazo de entrega máximo) – (vendas médias diárias x prazo de entrega médio)

Para entender as vendas diárias e o prazo de entrega máximo, é preciso basear-se nos períodos mensais, semestrais, ou anuais. Agora, para calcular a média, é preciso somar as vendas de um determinado período e depois dividir pelo número de sete dias. Mas, lembre-se, faça sempre com o mesmo indicador de prazo de entrega para saber o seu resultado médio.

Se você é lojista e percebe que seu sistema de gestão não te entrega a gestão completa de estoque e que você não consegue ter um controle do seu estoque de segurança, então você precisa conhecer a plataforma Linx Microvix. Com ele você tem a gestão do seu negócio seguindo o crescimento da sua loja. 

A Linx Microvix oferece controle de estoques de maneira unificada, pois em um único sistema é possível controlar o inventário, o estoque de franquias, entradas automatizadas por XML e um cadastro de produtos completo para atender as demandas do seu varejo. 

Se você quer conhecer mais sobre nosso ERP, entre em contato com nosso time e veja como podemos transformar a gestão do seu estoque. 

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

fale com a gente!