Gestão de estoque de medicamentos: como as farmácias podem otimizar esse controle?
Farmácias e drogarias

Gestão de estoque de medicamentos: como as farmácias podem otimizar esse controle?

Fazer uma boa gestão do estoque de medicamentos em uma farmácia é fundamental para o sucesso financeiro do negócio. Afinal, é necessário que os produtos procurados pelos clientes estejam sempre disponíveis.

Do mesmo modo, é preciso ter atenção para não ter produtos em excesso, pois se perderem a validade antes de serem vendidos, isso resultará em perdas. Quer saber como montar uma boa estratégia de rotina de compras na farmácia? Então, fique de olho nas dicas que separamos neste post!

Como otimizar o estoque de medicamentos?

Tanto a sobrevivência quanto o crescimento de uma farmácia dependem de um controle de estoque eficaz. Ou seja, é preciso evitar o excesso e a falta de medicamentos. Isso permite ter uma boa lucratividade e impede as perdas que se tornam prejuízo para o negócio. A seguir, confira como fazer uma boa gestão do estoque.

estoque de medicamentos

Conheça a sua demanda

O primeiro passo é saber quais são os produtos mais procurados. Para isso, faça uma análise detalhada e não se esqueça de levar em consideração a sazonalidade. Isso porque há períodos em que há mais demanda por determinados medicamentos, como é o caso do inverno, em que há mais procura por antigripais e similares.

Controle os lotes e vencimentos

Outro ponto importante é ter cuidado com o lote e a data de validade dos medicamentos. Como comentamos, se eles não forem comercializados antes do prazo, gerarão perdas para a farmácia.

Uma estratégia bastante eficaz é a chamada PEPS — Primeiro que Entra, Primeiro que Sai. Ou seja, os medicamentos que entram primeiro no estoque devem ser os primeiros disponibilizados aos clientes.

Isso deve ser levado em consideração não apenas com os medicamentos no balcão, como também os dispostos nas gôndolas. Assim, essa metodologia deve ser utilizada também na organização da farmácia.

Tenha uma boa carteira de fornecedores

Uma gestão eficiente de estoque de medicamentos também depende de um bom controle de fornecedores. Analise sempre os prazos de entrega, disponibilidade de produtos, política de troca, condições de pagamentos e preços.

O ideal é contar com mais fornecedores. Assim, caso haja falta de determinado produto em um fornecedor, você poderá solicitar de outro sem prejudicar o seu estoque.

Funcionalidades farmácia

Invista em tecnologia

Apostar em inovação na farmácia é a maneira mais eficaz de fazer uma boa gestão de estoque de medicamentos. Com um software adequado, é possível fazer um monitoramento constante; isto é, você saberá exatamente o que há no estoque e se é preciso repor algum produto.

Afinal, assim que um medicamento for vendido, será automaticamente descontado do estoque. Também, você terá a acesso a relatórios para identificar as demandas por período, poderá fazer cotações de produtos, além de realizar controle de lotes e vencimentos.

A Linx oferece o melhor sistema para farmácias e drogarias, pois facilita todos os processos de gestão e otimiza suas vendas. Com ele, você terá o controle e a integração dos setores da sua farmácia, permitindo uma gestão com a máxima eficiência.

Além do controle de estoque, você poderá acompanhar toda a parte contábil com praticidade, fazer um planejamento financeiro eficaz, assim como realizar cotações e pedidos de compras.

Fazer uma boa gestão de estoque de medicamentos é essencial para o sucesso de uma farmácia. Quanto mais dados você tiver, mais eficiente será o controle. Como resultado, maior será o desenvolvimento do negócio.

Então, entre em contato conosco e saiba mais sobre o nosso sistema para farmácias!

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

Nosso website faz uso de cookies. Para mais informações, acesse nossa Política de Cookies.

Vendas pelo Whatsapp

Suporte
ao cliente