Escala de trabalho: saiba como organizar a sua empresa!
Recursos humanos

Escala de trabalho: saiba como organizar a sua empresa!

O cumprimento das leis trabalhistas é uma ação essencial para organizar os turnos de trabalho dos colaboradores que atuam nos atendimentos de lojas durante as datas comerciais do varejo.

A gestão de escala de trabalho é uma tarefa muito desafiadora e as empresas precisam  ficar atentas a cada detalhe. Além das horas extras, é preciso registrar as interjornadas e intrajornadas, acompanhar a rotina de cada colaborador e seus horários de descanso. Outro ponto que tem que se observar é a jornada de trabalho – , quantas horas de trabalho aquele profissional precisa exercer naquele dia. 

Quando se abre uma empresa, essa não pode criar escalas de trabalho de acordo com o interesse, pois existem regras específicas de acordo com a legislação trabalhista. Cada segmento empresarial tem suas peculiaridades, como alguns que atendem durante 24h e nos fins de semana. Atualmente, a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) permite o cumprimento de algumas escalas. Seguem alguns exemplos:

  • 12×36: são 12 horas de trabalho e 36 horas de descanso;
  • 5×1: a cada cinco dias trabalhados, haverá uma folga. Nessa escala, a jornada diária não pode ultrapassar 7 horas e 20 minutos;
  • 5×2: a cada cinco dias trabalhados, o colaborador tem dois dias de folga, consecutivos ou não. Quando o trabalho acontece aos domingos e feriados, garante pagamento em dobro. Salvo exceções que permitem a compensação em banco de horas;
  • 6×1: o colaborador trabalha seis dias consecutivos e descansa um. São permitidas variações nessa escala, desde que por meio de Convenção ou Acordo Coletivo.

Todos os colaboradores celetistas que trabalham nos finais de semana têm direito a uma folga no domingo a cada sete semanas. Já as mulheres têm um domingo de folga a cada 15 dias. 

escala de trabalho

Escaladas de trabalho no fim de ano e feriados

É ponto facultativo? Vamos folgar? Posso compensar esse dia? Vai ter escala de plantão? Preciso entrar de recesso coletivo igual aos outros colegas? 

São tantas perguntas que surgem no fim de ano e feriados sobre a jornada de trabalho. Em relação a esses dias, a legislação brasileira de trabalho permite que as folgas sejam tomadas de acordo com as regras de  cada empresa. 

Para os lojistas, as escalas de trabalho podem ser novidades já que é preciso ficar de olho em vários detalhes. Mas, é possível fazer a programação dos horários com revezamento, para que cada colaborador cumpra a legislação de acordo com os direitos trabalhistas. 

Nessas datas comerciais relacionadas ao varejo (Dia das Mães, Natal, Reveillon, Páscoa…), as lojas possuem horários diferentes de atendimento, por isso, podem criar os turnos de trabalho para suprir as vendas do comércio. 

As escaladas de trabalho em lojas costumam ser alternativas para conseguir atender as demandas da empresa, mas lembre-se: é preciso respeitar os prazos estabelecidos pela CLT e garantir os períodos de repouso e descanso semanal do funcionário. 

Como montar escalas de trabalho?

Apesar das particularidades de trabalho de cada empresa, é possível criar e organizar as escalas. Mas, para sua loja ficar protegida perante à lei trabalhista, listamos alguns passos que você deve seguir para montar uma escala de trabalho para o seu varejo. 

  • Entenda a legislação trabalhista;
  • Consulte as convenções ou acordos coletivos com sindicatos;
  • Faça o levantamento dos colaboradores por carga horária (4h, 6h, ou 8h de trabalho);
  • Defina as necessidades da empresa em períodos de sazonalidade;
  • Crie as escalas de trabalho a partir dessas informações levantadas;
  • Tenha um sistema de controle de ponto para organizar os turnos de trabalho;
  • Acompanhe a escala de trabalho para garantir que toda a operação e horário de atendimento sejam realizados.

Ferramentas de gestão de escalas de trabalho

A gestão de escala pode ser feita de várias maneiras, como: manualmente, por software, planilhas, enfim, diversas formas. Mas, quando é feito o planejamento e a gestão dos turnos de forma automatizada e inteligente, a chance de ter erro é menor e o controle em cima do que a lei permite é mais seguro.

Para organizar a escala de trabalho, uma boa estratégia é contar com um sistema que te proporcione a gestão completa das escalas. Quando se faz uso de tecnologias, é possível perceber uma melhora na qualidade do atendimento nas lojas, equipe mais integrada, cumprimento da legislação, informações mais centralizadas e o RH mais integrado.

Na Linx, temos um software ideal para gestão de RH do seu varejo, a Linx Humanus. Além disso, temos a parceria com a Moavi,  a maior empresa de gestão de escalas de trabalho e workforce management (WFM) no varejo brasileiro.

Além de coletar dados, com a Moavi é possível fazer a criação das escalas de horários e folgas utilizando algoritmos inteligentes, todo processo atendendo às leis trabalhistas e convenções coletivas de trabalho e relatórios completos para acompanhamento dos resultados.

Quer saber como implementar em sua loja? Solicite uma demonstração do sistema e veja como vamos transformar a gestão de escaladas da sua empresa!

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

fale com a gente!