5 erros que você não deve cometer na Black Friday
E-commerce

5 erros que você não deve cometer na Black Friday

Confira 5 erros que devem ser evitados e o que precisa estar funcionando 100% para aumentar suas chances de vender mais nesta Black Friday.

É hora de fazer os ajustes finais para a Black Friday. Faltando apenas alguns dias para o evento mais importante do varejo, muitos e-commerces já deram início às promoções. Afinal de contas, é hora de acelerar os resultados e começar muito bem as vendas de fim de ano.

Embora a Black Friday já seja uma data importante no calendário promocional, boa parte dos varejistas ainda cometem erros que podem ter um impacto muito importante em suas vendas. Lembre-se que, nesta época, os consumidores estão em busca de ofertas, mas não querem gastar muito tempo para fazer suas compras. Por isso, não basta caprichar nas promoções: todo o seu site precisa entregar uma experiência excepcional.

Não é à toa que, para as áreas de negócios do varejo, a Black Friday começa muitos meses antes. Uma infinidade de detalhes precisa ser resolvida, começando na definição do mix promocional e chegando até os processos de pós-venda e retargeting. A essa altura do ano, tudo deve estar rodando 100%, mas não custa fazer uma revisão final: detalhes podem fazer toda a diferença na experiência do consumidor e no seu resultado.

erros para evitar na black friday

Por isso, esteja atento a estes 5 pontos que parecem até simples, mas que, se ignorados, podem causar um impacto negativo muito grande nas suas vendas de Black Friday:

1) Banners pesados

O e-commerce é um negócio medido em milissegundos. Especialmente quando a navegação é feita no smartphone (que já representa a maioria dos acessos em várias categorias), a demora no carregamento das páginas pode fazer o cliente abandonar seu site e buscar um concorrente – provavelmente, para nunca mais voltar.

O tamanho das imagens do site (medidas e peso dos arquivos) é extremamente importante na velocidade de carregamento das páginas. Você já deve ter revisado o tamanho das imagens dos produtos – mas e seus banners? Lembre-se: um banner pesado que demora para carregar prejudica a experiência do cliente e faz com que ele se sinta estimulado a sair do seu site.

Dica #1: revise o tamanho de seus banners (medidas e peso dos arquivos) para garantir a melhor experiência possível aos clientes.

2) Erros de redirecionamento

Por mais que tenha sido feito um mapeamento de todo o site, vale a pena revisar todas as URLs de seu e-commerce para garantir que não haja redirecionamentos errados. Isso pode fazer com que um cliente clique em uma promoção e seja redirecionado para uma categoria totalmente diferente, ou mesmo para um produto que não era o escolhido.

Isso gera frustração, demora na compra e uma experiência de compra ruim. Esteja atento.

Dica #2: reveja os links de redirecionamento do seu site, identifique e corrija quaisquer erros para garantir que o cliente sempre encontre o produto que deseja.

3) Links quebrados

Este item é um “primo” do anterior. Links quebrados também fazem com que o cliente não encontre o que procura. Mas nesse caso, há um detalhe importante: deparar-se com uma página não existente é ainda pior do que ser levado para um produto diferente do esperado, já que a sensação de que há um problema (ou no mínimo falta de cuidado) é maior.

Muitas vezes, o link é quebrado por razões simples, como erros de digitação ou falhas na importação de arquivos. Ao mesmo tempo, links quebrados podem ser difíceis de identificar, pois um espaço a mais ou uma letra trocada são suficientes para causar o problema. Para corrigir isso, mantenha uma documentação dos links e evite links muito complexos, cuja lógica seja confusa. Quanto mais simples, mais fácil identificar erros e corrigi-los.

Dica #3: revise os links do site para identificar quebras e crie processos para evitar que esses erros se repitam nas próximas datas promocionais.

4) Frete fora do ar

Muitos e-commerces preferem utilizar serviços online para o carregamento das informações de frete. Existem bons motivos para isso, como a atualização automática de preços, prazos e demais condições, ou a facilidade de incorporar novos modelos de entrega. Na Black Friday, porém, agir dessa forma pode fazer seu e-commerce perder vendas.

O que aconteceria se, no momento de concluir a compra, o consumidor não conseguisse saber quanto iria pagar de frete porque, por um problema de conexão, a informação não chega da transportadora ou dos Correios para o seu e-commerce? Com certeza, o cliente abandonaria aquela compra e buscaria um concorrente. E, se a concorrência fizer a lição de casa, você perde o cliente para a vida toda. É um risco que não vale a pena correr.

A solução é mais trabalhosa, mas é segura: suba uma planilha de frete para seu site, com as informações de cada um de seus parceiros logísticos. Isso irá exigir muita atenção na hora de conferir os dados de CEP, preços e prazos, mas garante que nenhum cliente deixe de saber quanto vai pagar de frete. Com isso, elimina-se um fator de desistência e facilita o processo de conclusão da compra.

Dica #4: suba uma planilha de frete para seu site e evite correr o risco de ficar fora do ar na Black Friday.

O que você precisa saber para migrar de plataforma de e-commerce

5) Revise o estoque de embalagens

Você não irá querer ter a desagradável surpresa de fechar a venda, criar expectativa no cliente e não conseguir entregar porque faltam embalagens para transportar os pedidos, não é? Quando olhamos todo o universo da operação do varejo, parece um detalhe, mas é um detalhe muito importante para a experiência do consumidor.

Por isso, certifique-se de que você tenha embalagens suficientes em todos os tamanhos para dar conta de todos os pedidos – e mais um pouco até. No pior caso, você também estará estocado para as demandas de Natal. O que não é exatamente um problema, não é?

Dica #5: garanta que seu fulfillment tem estoque suficiente de todos os tamanhos de embalagem

Essas 5 dicas são simples e não exigem grandes investimentos para que estejam em ordem. Mas são pontos essenciais para garantir a melhor experiência de compra possível para o consumidor e vendas adicionais nesta Black Friday. Assine a newsletter do blog da Linx e fique por dentro das novidades para o seu negócio!

 

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

Nosso website faz uso de cookies. Para mais informações, acesse nossa Política de Cookies.

Vendas pelo Whatsapp

Suporte
ao cliente