Como preparar seu negócio para grandes datas comerciais
Marketplaces

Como preparar seu negócio para grandes datas comerciais

Vender mais nas plataformas digitais pode ser complexo, mas diversas tecnologias simplificam esse processo e aumentam seu faturamento, principalmente nas grandes datas comerciais.

As principais datas comerciais do ano são excelentes oportunidades para qualquer varejista. Dia das Mães, dos Namorados, dos Pais, das Crianças, Black Friday e Natal são alguns exemplos, mas também existem momentos em que regionalidades geram grandes oportunidades de venda. Quem nunca foi a uma Festa de São João no Nordeste não sabe o que está perdendo! 

Entretanto, para aproveitar as oportunidades de venda é preciso estar muito bem preparado. Quando as lojas físicas eram a única alternativa, as grandes datas comerciais já eram momentos intensos. Hoje, com a evolução do e-commerce, o varejo omnichannel e o crescimento dos marketplaces, o planejamento precisa ser ainda melhor – pois a concorrência é mais intensa do que nunca. 

datas comerciais

Para acertar em sua estratégia nas principais datas comerciais do ano, sua operação precisa estar pronta para lidar com uma grande quantidade de pedidos e com menos margem para erros. Por isso, esteja atento a estes 6 pontos e prepare seu negócio para vender mais: 

1. Invista no uso dos dados 

Coletar e analisar dados de vendas e de comportamento dos clientes é essencial para todo varejista que queira obter bons resultados. Quem utiliza bem as informações adquiridas na loja física, no e-commerce, nos marketplaces, aplicativos e quaisquer outros pontos de contato com o consumidor consegue obter grandes vantagens no relacionamento com ele. 

Um varejista data-driven coleta informações de todo lugar onde o cliente esteja em contato com ele, cruza essas informações e consegue desenvolver ações promocionais mais direcionadas. Além disso, consegue reconhecer mais rapidamente o que está vendendo – um ponto importante em datas promocionais, quando é mais difícil fazer correções de rota. 

2. Identifique as mudanças 

Nas grandes datas comerciais do varejo, fazer um bom planejamento é essencial. Mas é ainda mais importante ter flexibilidade para se adaptar quando a realidade insiste em mudar os planos – e isso sempre acontece. O consumidor pode ter menos dinheiro que o previsto, o fornecedor pode enfrentar problemas de entrega, o clima pode estar mais quente e fazer os clientes preferirem ficar na praia… Tudo pode acontecer. 

O que qualquer varejista precisa ter é a capacidade de entender as mudanças e corrigir a rota. Além da coleta e análise de dados de que já falamos, é preciso ter parcerias sólidas com fornecedores para fazer pedidos de emergência e ter mais flexibilidade nas ações comerciais. 

Na atuação nos marketplaces, a capacidade de fazer correções de rota em tempo real durante as grandes datas comerciais é fundamental. O ideal é que o varejista tenha um hub de marketplaces que funcione como uma “cabine de comando” para toda a atuação nas plataformas digitais. Assim, é possível criar e desativar campanhas ou mudar preços, descontos, descrições e imagens de produtos rapidamente, a tempo de conquistar mais clientes e vender mais. 

3. Personalize sempre que possível 

Todo varejista que se destaca consegue ser relevante para uma parte do público. Isso significa que ninguém consegue sucesso sendo “mais ou menos” para muita gente. A mesma coisa acontece no e-commerce e nos marketplaces: seja genérico e você terá resultados fracos. A personalização em escala do relacionamento com o cliente diminui o custo das campanhas marketing entre 10% e 20%, ao mesmo tempo em que aumenta as vendas e faz o cliente retornar. 

Qual é o milagre? A mágica acontece porque o negócio passa a oferecer o produto certo para cada cliente, no momento em que ele precisa. Nas grandes datas comerciais isso é ainda mais importante, pois o consumidor não tem muito tempo para pesquisar: se ele puder, ele irá em quem já confia. E quem personaliza o relacionamento mostra que entende de verdade seu cliente. 

4. Diversifique sua presença 

No varejo se fala muito em fazer mais com menos, mas em algumas situações o ideal é fazer mais com mais. No digital, principalmente, quanto mais oportunidades de aparecer para os clientes, melhor. 

Por isso, é essencial contar com uma plataforma que faça a integração do seu e-commerce e do seu ERP com os principais marketplaces do mercado. Não importa se a plataforma de vendas é específica de algum segmento ou se é multicategorias: com um bom hub de marketplaces, o lojista digital consegue multiplicar sua presença e alcançar mais consumidores com mensagens, preços e produtos específicos. 

5. Automatize processos 

As grandes datas comerciais do varejo são períodos muito intensos para controlar manualmente a operação do negócio. Quanto mais automatizada estiver a venda, melhor. E isso significa usar tecnologia em todas as áreas para ganhar eficiência e produtividade. 

Um bom exemplo de aumento de velocidade está no cadastro dos produtos nos marketplaces. Essa é uma atividade que pode demorar uma eternidade se feita manualmente – mas que pode ser automatizada, com cadastramento massivo dos produtos que já estão em seu ERP. 

Outra vantagem desse tipo de automação é que o lojista passa a controlar as informações do negócio em um único sistema, o que traz mais controle e evita a venda de produtos que não estão mais em estoque. 

6. Tenha uma visão completa 

Quando o lojista atua em diversos marketplaces, existe o risco de demorar para atender pedidos ou de ter dificuldade no acompanhamento dos pagamentos, distribuição, entrega e reposição das vendas. Um integrador de marketplaces que ofereça uma visão 360° e faça uma gestão completa dos pedidos resolve esses problemas. 

Plataformas como a Plugg.To recebem em tempo real as vendas feitas nos marketplaces, centralizam esses pedidos e enviam automaticamente para a plataforma de e-commerce ou ERP. Dessa forma, o lojista tem 100% de controle sobre o que acontece no negócio digital – e consegue atender os pedidos mais rapidamente, o que fideliza os clientes e gera novas vendas. 

Vender em marketplaces é essencial para ganhar espaço no mercado e conquistar a preferência dos consumidores nas grandes datas comerciais. Com a Plugg.To, plataforma da Linx, você automatiza as principais funções do negócio, faz a integração de dezenas de marketplaces à sua plataforma de gestão e aumenta seu controle sobre a entrada e saída de mercadorias. 

Com a Plugg.To, aumente a eficiência e a produtividade do seu negócio e venda cada vez mais pelos marketplaces. Quer saber mais sobre a plataforma? Então acesse nosso site e fale com a gente. 

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

fale com a gente!