Compartilhe

Compartilhar no Facebook Compartilhar no Linkedin Compartilhar no Twitter Compartilhar no Whatsapp

Como o Big Data gera vantagens para o varejo

Como o Big Data gera vantagens para o varejo

Além de ajudar os varejistas na descoberta do perfil dos consumidores, os dados permitem a leitura de contextos complexos e auxiliam no aumento das vendas

O Big Data no varejo não é mais uma tendência e sim uma realidade. Ao mesmo tempo em que os consumidores estão cada dia mais digitais, querendo ter seus desejos atendidos de forma muito rápida, as lojas se movimentam da mesma forma: procuram resolver as suas necessidades e a dos clientes em todos os pontos de venda com mais agilidade e, para isso, usam cada dia mais as vantagens dos dados.

Confira, a seguir, como o universo Big Data gera vantagens para o varejo.

Conhecer a fundo o consumidor

Os dados nunca foram tão importantes para entender o comportamento e o perfil do consumidor e a personalização de compras baseada no histórico de cada cliente é uma das principais formas de colocar isso em prática. Segundo estudo da Forrester baseado nos clientes da Richrelevance, as empresas que usam personalização aumentam o preenchimento dos “carrinhos” em pelo menos 15%, melhoram a receita em 10%, e tem 20% de aumento na receita por usuário, além de taxas de conversão acima de 89%.

Gigantes do varejo buscam conhecer melhor seus consumidores ao armazenar dados dos clientes inscritos no programa de fidelidade. Nele, as informações reunidas são convertidas em perfis de comportamento. Assim, é possível descobrir seus desejos e segmentar a oferta de descontos com o objetivo de aumentar as conversões em vendas.

Atrair e engajar de novos clientes

Com dados é possível atrair e engajar novos clientes de forma muito mais eficiente. Isso porque existem soluções Big Data que: exploram o universo da inteligência de dados e garantem que todas as decisões para chamar a atenção do consumidor sejam tomadas a partir de informações concretas.

Nesses casos, os dados servem como guia e também como facilitadores para personalizar a comunicação com o cliente e alcançar os consumidores certos, da forma correta, pelos canais mais adequados – enviando um e-mail atrativo de remarketing para aquele consumidor que já interagiu com a sua loja em algum momento, por exemplo. Permitindo que a empresa use as estratégias de impulsionamento certas para conquistar clientes em potencial para a marca.

Promover um atendimento omnichannel

Segundo a pesquisa The Data Storm, realizada pelo The Economist Intelligence Unit em parceria com a Wipro, 54% dos executivos afirmaram que o uso do Big Data trouxe ganhos consideráveis para a venda multicanal. Isso porque o atendimento multichannel permite a integração das informações do consumidor em todos os pontos de interação dele com a marca, levando as empresas a melhorar a satisfação do consumidor durante toda a sua jornada de compra.

Melhorar a gestão do negócio

Se o Big Data permite analisar um volume massivo de dados, então é possível gerar muito conhecimento sobre os mais diversos aspectos operacionais do varejo. Ao implantar sistemas de gerenciamento, como ERPs, é possível integrar operações e automatizá-las. Com isso, erros como a duplicação de pedidos em canais de vendas diferentes diminuem e a loja atua com menos intervenções manuais, gerando menos retrabalho e custos.

Um dos destaques é a possibilidade de fazer o forecasting, uma  prática de previsão de venda feita a partir da captação de dados históricos e de uma análise precisa dos mesmos, que leva as empresas a definir estratégias necessárias para realizar, de forma eficiente, as suas vendas.

Além disso, existem os CRMs, que reúnem informações valiosas dos consumidores e permitem a aproximação do consumidor com a empresa de forma mais eficiente. Sem falar nos benefícios do uso de sistemas Big Data para a gestão dos setores como o logístico, que levam a união de dados da cadeia de suprimentos, integrando informações de todos os players envolvidos, melhorando a gestão de prazos, entregas e devoluções de mercadorias, por exemplo.

Aumentar as vendas

Os dados servem como insumo para melhorar a entrega do produto ao cliente final. Isso pode ser feito a partir de união de informações aparentemente desconexas ou de uma boa leitura de contextos de mercado.

O Walmart, uma das maiores redes varejistas do mundo, fez exatamente isso. A partir de uma leitura eficiente de dados, descobriu que a venda de fraldas descartáveis estava associada a compra de cerveja, pois era feita especialmente por homens, que saiam em busca da mercadoria e levavam algumas latas da bebida para casa. Com isso, os produtos foram colocados lado a lado no mercado e as vendas de ambos aumentaram.

Identificar tendências de consumo

O universo Big Data também permite fazer uma leitura do histórico de compra dos consumidores e identificar tendências de consumo, percebendo quais são os produtos que mais vendem em datas sazonais, como o Natal ou Dia das Mães. A partir dessa análise, é possível colocar os produtos certos à venda com descontos para atrair mais os consumidores e aumentar o potencial de venda em períodos estratégicos.

Observar a concorrência

A leitura de dados faz com que a sua empresa conheça de perto as movimentações de competidores diretos e indiretos. Com análises Big Data, é possível reunir informações relevantes de lojas específicas para melhorar o seu próprio desempenho do varejo. Como? Se você tem um e-commerce, por exemplo, pode monitorar o concorrente, identificar seu modelo de precificação, e promover uma política precificação automática dos produtos conforme as mudanças mercadológicas na sua empresa.

Melhorar o pós-venda

Uma venda nunca acaba quando termina. Depois de finalizar a compra em uma loja, é preciso manter o relacionamento com o consumidor e o uso de Big Data é fundamental para isso. Ter informações conectadas e atualizadas dos consumidores levam os times de vendas e marketing a uma comunicação mais ágil e eficaz com a ponta da cadeia. É possível fazer o envio de newsletters, ofertas, promoções ou mensagens em datas comemorativas de maneira efetiva, interagindo de forma personalizada e muito mais agradável com os leads.

E, acredite, não é porque você não é uma gigante no mercado como a Amazon ou não tem uma loja física enorme que esse texto não é para você. Basta contar com a expertise do profissional de dados e ter as soluções Big Data certas para alcançar os melhores resultados a partir da geração de dados e aumentar as vendas do seu negócio.

Contato comercial
Envie uma mensagem ou Chat online

Telefone Comercial:

3003-0400

Atendimento de segunda a sexta, das 9h às 18h.