Como o autoatendimento pode conquistar clientes para o Food Service
Bares e restaurantes

Como o autoatendimento pode conquistar clientes para o Food Service

Terminais de autoatendimento trazem muitas vantagens para a operação de bares e restaurantes. Saiba como aproveitar a tecnologia e conquistar mais clientes.

 Em todo o varejo, as filas no caixa são um dos pontos que mais desagradam os consumidores. Não é diferente no setor de Food Service: um estudo da plataforma online Tillster indica que 65% dos clientes iriam com mais frequência a um restaurante que oferecesse a opção de fazer o pedido em um terminal de autoatendimento.

Além disso, outros 30% disseram que, entre fazer o pedido em um caixa convencional e em um terminal de autoatendimento, preferem a segunda opção, mesmo que o tamanho da fila seja o mesmo. Isso mostra que incorporar tecnologia ao atendimento ao cliente não apenas o deixa mais feliz, mas também tem um impacto positivo no negócio como um todo.

As filas sempre representaram um gargalo na operação e um atrito extra no relacionamento com o consumidor. O autoatendimento é uma resposta a esse problema – e não somente por meio de totens: 64% dos restaurantes americanos estão adicionando formas de pagamento, como carteiras digitais, para permitir que os clientes comprem de qualquer lugar.

Cada vez mais, a jornada do cliente no Food Service deixa de ter um único formato – e a tecnologia é fundamental para fazer essa revolução acontecer.

Autoatendimento

Um menu de vantagens

Um estudo realizado pela National Restaurant Association (NRA), nos Estados Unidos, indica que 79% dos restaurantes disseram que totens de autoatendimento fizeram uma grande diferença na conveniência oferecida para os clientes. Isso se traduz em economia de tempo na produção do prato e agilidade na operação.

Além disso, existem outras vantagens em adotar terminais de autoatendimento para o seu Food Service. Entre as mais importantes estão as seguintes:

Eliminar filas

Pessoas detestam desperdiçar seu tempo e ficam impacientes sempre que precisam enfrentar uma fila. Três quartos dos consumidores abandonam filas que parecem muito longas ou demoradas – e certamente os demais prefeririam não ter que esperar pelo atendimento. No Food Service, ter filas menores (ou nenhuma) e menos pessoas esperando o pedido ficar pronto gera um ambiente mais convidativo para quem chega ao restaurante.

Reduzir o tempo de espera

Pedidos feitos por meio de terminais de autoatendimento demoram 40% menos tempo para serem realizados, pois o próprio cliente faz o registro do pedido e o pagamento, e os pedidos são enviados automaticamente para a cozinha. Esse processo reduz qualquer chance de erro, uma vez não existe interação com o garçom ou atendente do estabelecimento.

Aumentar o ticket médio

Por melhor que seja o treinamento, no dia a dia é comum que o operador do caixa esqueça de fazer uma sugestão adicional ao pedido – especialmente nos horários de pico, em que a preocupação em diminuir a fila é prioridade. Já em um terminal de autoatendimento, o ticket médio costuma ser de 15% a 20% mais alto, devido às sugestões de itens adicionais feitas a partir do comportamento dos consumidores.

Eliminar erros nos pedidos

Erros acontecem, mas cerca de 20% dos clientes dizem que não retornam a um lugar que não atendeu seu pedido corretamente. Terminais de autoatendimento eliminam qualquer possibilidade de ruído na comunicação e evitam problemas de digitação no ato da solicitação do pedido. 

Facilitar a customização de pedidos

Quer molho extra? Um hambúrguer diferente? Sem cebola, mas com pimentões? Terminais de autoatendimento dão liberdade para que o cliente personalize seus pedidos, ao mesmo tempo em que apresentam regras claras de precificação para cada item adicional ou substituto. Considerando que quase metade dos consumidores querem controlar o que estão comendo quando se alimentam fora de casa, esse é um ponto relevante.

Outra aplicação importante da personalização é para pessoas que têm restrições alimentares ou alergias e precisam evitar determinados itens. Essa adequação do pedido diminui erros que poderiam ter consequências mais sérias.

Controlar a qualidade da experiência

Com o uso de terminais de autoatendimento, a complexidade da operação do restaurante diminui e um possível ponto de lentidão no relacionamento com o cliente é automatizado. O consumidor tem a garantia de que sempre será atendido da mesma forma e aumenta a confiança na marca.

Organizar melhor o espaço do restaurante

Cada metro quadrado do restaurante é valioso. O uso de terminais de autoatendimento muda a organização do espaço, permite processar mais pedidos ao mesmo tempo e entrega uma melhor experiência de compra para os clientes. Além de reduzir a ocupação e o gasto com mão de obra.

Realizar sugestões de venda

Em uma operação de Food Service, os terminais de autoatendimento são recursos muito eficientes de coleta de dados. Todas as informações sobre pedidos são registradas e é possível fazer mais testes com sugestões de vendas adicionais, considerando o perfil do cliente e a harmonização com o que já foi pedido. A capacidade de testar o impacto das sugestões sobre os clientes facilita a gestão e cria oportunidades de melhoria e de aumento de venda.

Fidelizar o público

Todas essas vantagens levam a uma consequência importante: a fidelização dos consumidores. Ao ter experiências melhores, como tempo de fila reduzido, liberdade para montar seus pedidos conforme desejam, personalização das ofertas recebidas e entendimento de suas preferências, os clientes tendem a retornar mais vezes. Afinal de contas, cliente feliz volta sempre.

O autoatendimento tem um papel muito importante na fidelização dos clientes do seu restaurante. A tecnologia simplifica a operação do seu negócio do estoque à retaguarda, para uma melhor experiência para o consumidor.

O sistema Linx para bares e restaurantes faz a gestão completa do Food Service e acelera a adoção de tecnologias, como autoatendimento, no dia a dia do seu negócio. É aumento de eficiência, produtividade e vendas! Quer saber como podemos te ajudar a vender mais? Fale com a gente.

 

 

Descubra as principais alavancas de expansão para os negócios de alimentos e como elas podem transformar o jogo para os empreendedores em busca de sucesso no ramo no episódio do nosso PDV: “Como expandir no mercado de Food Service”?

Galunion

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

fale com a gente!