7 dicas para você ser um franqueado de software de sucesso
Franquias

7 dicas para você ser um franqueado de software de sucesso

Do perfil do negócio à capacitação das equipes, esteja atento a estes aspectos essenciais para obter bons resultados e ser um franqueado de software de sucesso! 

O investimento em uma franquia é uma das decisões mais importantes da vida de um empreendedor. Confrontados com a possibilidade de utilizar seus recursos financeiros para construir um negócio do zero ou então fazer uma parceria com um franqueador que compartilhará seus conhecimentos e métodos já testados de sucesso, muitos optam pelo segundo caminho. Não é um percurso sem esforço, mas é um caminho que gera mais resultados. 

Não é à toa que o franchising tem uma posição tão importante na economia brasileira. De acordo com a Associação Brasileira de Franchising (ABF), o país fechou 2022 com mais de 3 mil redes de franquias, que geram 1,5 milhão de empregos e somam R$ 211,49 bilhões em faturamento. 

As franquias de software, também chamadas de revenda de software, são um destaque no setor. Como o crescimento da área de TI tem estado acima do PIB em todos os países da América Latina nos últimos anos, investir nesse segmento é uma oportunidade de aproveitar um momento de expansão que não vai terminar tão cedo – bem pelo contrário. 

Nesse modelo de negócios, uma empresa fabricante de software faz uma parceria com uma pessoa física ou jurídica que se responsabiliza pela venda das soluções. Dessa maneira, há uma relação ganha-ganha: a fabricante chega a mercados que não conseguiria alcançar sozinha, enquanto o franqueado vende um produto reconhecido, de uma marca respeitada e com um suporte técnico sólido. 

franqueado de sucesso

Para ser um franqueado de software de sucesso, porém, não basta assinar um contrato. Vários fatores importam nessa jornada – e conhecê-los é essencial. Por isso, confira estas 7 dicas para você se tornar um franqueado de sucesso no setor de software:

1. Encontre a oportunidade correta 

Antes de assinar qualquer contrato, analise as possibilidades que você tem à disposição. Avaliar aspectos como a rentabilidade esperada para o negócio, o investimento necessário e os conhecimentos necessários para começar é importante, mas isso não é suficiente. O ponto mais importante é fazer um match entre o negócio e o seu perfil empreendedor. 

Alguns negócios exigem uma capacidade de atendimento que você pode não ter. Ou ainda, podem demandar qualificações, experiências ou uma dedicação que não combinam com sua realidade. Franquia não é um negócio que se compra e se deixa na mão de um gerente: para alcançar os resultados esperados, é preciso ter dedicação total. Se essa não é sua intenção, repense a ideia. 

Outro aspecto muito importante é a cultura, propósito e valores da empresa. É preciso existir um alinhamento entre o que a franqueadora tem e a sua visão de mundo. Sem isso, conflitos surgirão. Lembre-se: uma franquia é uma parceria de longo prazo – é melhor embarcar nessa jornada com um parceiro que tenha valores em comum com os seus. 

2. Planejamento é essencial 

No início, o negócio não irá dar lucro. É natural em qualquer atividade comercial, mas muita gente comete o erro de achar que basta colocar a franquia para funcionar e os resultados virão. É preciso ter capital para iniciar o negócio e mantê-lo vivo até que se torne rentável. Por isso, se planeje para não prejudicar a saúde financeira da sua franquia. 

Da mesma forma, também planeje seus investimentos em ações de marketing e divulgação, no dia a dia da operação e até mesmo na contratação da equipe. Não é porque você tem uma franquia reconhecida que ela não precisa de um business plan. 

3. Seja transparente na relação 

O sucesso na relação de parceria com a marca franqueadora passa pela transparência nas suas ações à frente do negócio. Desde o início, seja sincero sobre suas expectativas e avalie se você será capaz de cumprir com todas as necessidades exigidas pela franquia. Evitar falsas expectativas é um bom caminho para o sucesso. Defina metas em comum com a franqueadora e entenda o que é esperado de parte a parte. 

4. Trabalhe junto com a marca 

A união entre franqueadora e franqueado de software é considerada pelos especialistas como a principal característica de êxito das marcas. Todos nessa relação precisam estar unidos em prol dos mesmos objetivos, com um caminho traçado para a obtenção dos resultados, respeito aos padrões de qualidade e critérios de operação. Atuar em conformidade com o padrão de franqueadora, seguindo um modelo já comprovadamente de sucesso, é uma forma eficiente de chegar mais rápido ao sucesso. 

5. Cuide da sua capacitação 

A vida empreendedora vai muito além do aporte financeiro e da capacidade de trabalhar duro. Também é preciso investir em conhecimento, conhecendo a fundo o setor de atuação do negócio, as melhores práticas, as ações da concorrência e os diferenciais que farão você se sobressair. Quando você é uma autoridade no seu setor, você também se torna uma referência para seus clientes. 

As melhores franquias do mercado oferecem orientação e suporte, mas é importante que você, como empreendedor, também faça sua parte e busque aprender cada vez mais. 

6. Seja um gestor cada vez melhor 

O franqueado de sucesso é o gestor de um negócio. Por isso, não se pode abrir mão do cuidado com a administração. Tenha conhecimento e estratégias para que a franquia funcione de forma produtiva e eficiente. Saiba lidar com a área financeira, com o relacionamento com clientes e colaboradores, desenvolva sua capacidade de planejamento e, acima de tudo, esteja ciente de que você sempre precisará de mais conhecimento. O mercado evolui – e você precisa evoluir junto com ele. 

7. Treine sua equipe 

A capacitação de seus colaboradores é essencial para alcançar o sucesso. As franquias costumam ter um programa de treinamento para as equipes franqueadas – aproveite ao máximo, envolvendo seu time. Isso é especialmente importante na prestação de serviços, em que a qualidade do atendimento precisa ser consistente ao longo do tempo. 

O ideal é ir além do treinamento inicial, realizando capacitações periódicas de seus colaboradores para melhorar e reforçar conhecimentos, técnicas de atendimento e a execução dos serviços. 

  

Essas 7 dicas não cobrem todos os aspectos das franquias, mas com certeza farão você avançar muito rápido no caminho do sucesso do seu negócio. Esteja sempre alinhado com seu franqueador, busque melhorar sua gestão o tempo todo e capacite suas equipes para ter um time vencedor. 

Quer saber mais sobre as franquias Linx? Então, acesse nosso site e fale com a gente. 

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

fale com a gente!