5 fatores que impactam a produtividade dos colaboradores
Recursos humanos

5 fatores que impactam a produtividade dos colaboradores

Pesquisa da FVG Ibre aponta que o número de horas efetivamente trabalhadas desabou 8,3% ao longo de 2021. Entenda quais são os fatores que contribuem para a queda de produtividade dos colaboradores. 

A produtividade dentro de uma empresa sempre foi um ponto muito importante de acompanhamento dos gestores. Mas, depois da pandemia, alguns fatores mudaram e, com a chegada de várias tecnologias, foi possível observar alterações  na produção dos funcionários. 

De acordo com a pesquisa realizada pelo Observatório da Produtividade Regis Bonelli, do FGV Ibre (Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getúlio Vargas), o número de horas efetivamente trabalhadas desabou 8,3% ao longo de 2021. O estudo ainda mostrou que a produtividade do trabalho no período de julho a setembro do ano passado, caiu para 11,9%, e em 2020 esse número era de 14.9%. 

Além disso, um estudo feito pela Microsoft, o Work Trend Index Pulse, realizado entre julho e agosto de 2022, também mostrou que o trabalho híbrido (modelo implementado durante a pandemia em que os funcionários trabalham alguns dias em casa e outros na empresa) tem gerado uma desconexão entre colaboradores e líderes.

A pesquisa, que entrevistou 20 mil funcionários de 11 países – Austrália, Nova Zelândia, China, Índia, Japão, França, Alemanha, Reino Unido, Brasil, Canadá e Estados Unidos – mostrou que 87% deles dizem ser produtivos no trabalho. No entanto, 85% dos líderes dizem que o trabalho híbrido trouxe um desafio no que diz respeito à confiança na produtividade dos colaboradores.  

Ao analisar esses dados, percebe-se que a produção dos funcionários dentro das empresas de fato mudou. Porém, é papel do gestor identificar os gargalos na produtividade da sua equipe e tentar corrigi-los. Quer saber quais são os hábitos ou comportamentos dentro e fora do trabalho que podem ser as principais causas da baixa produtividade? Confira!

Produtividade dos colaboradores

Fatores que interferem na produtividade dos colaboradores 

1. Falta de engajamento da equipe

Os gestores dentro dos times tem uma missão muito importante que é motivar continuamente seus colaboradores. Quando a liderança não tem essa preocupação é possível ver uma queda na produtividade e também a evasão dos funcionários. Uma equipe se torna mais engajada quando se vê valorizada, quando recebe feedbacks construtivos ou reconhecimento por meio de bonificações, e também quando participam de treinamentos e capacitações. 

2. Poucas horas de sono

A falta de sono pode afetar não somente a produtividade, como também a saúde física e mental do profissional. Nesse caso, é importante a liderança observar e acompanhar o rendimento do colaborador e entender a causa das poucas horas de sono, quando isso acontecer. O gestor precisa, nesse momento, desenvolver ações que possam ajudar o funcionário a ter mais qualidade de vida. 

3. Salários baixos 

Um fator que pode afetar a produção do funcionário é o salário baixo. Quando ele não se sente valorizado financeiramente, a tendência é  sair do emprego e procurar outra vaga no mercado que corresponda às expectativas de salário que ele considera mais justas. Nesse caso, é interessante o gestor desenvolver ações que permitam o crescimento do profissional e, junto disso, aumentem o salário também. 

4. Falta de comunicação interna

A falta de comunicação interna é um dos principais problemas de produtividade dentro das empresas. Quando não se compartilha informação, isso pode gerar insatisfações e quedas no rendimento do funcionário, pois esse tipo de ação faz com que ele não se sinta parte da empresa. Para resolver esse problema é importante investir em e-mails internos, murais, redes corporativas, além de incentivar o profissional a dialogar mais com seus colegas de trabalho para integrar toda empresa. 

5. Sobrecarga de tarefas

O excesso de trabalho também tem sido um problema quando o assunto é a produtividade dos colaboradores nas empresas. Quando o colaborador não consegue ter o foco suficiente para cumprir suas atividades, ele se sente frustrado. Uma das formas de solucionar esse problema é a otimização na rotina e a terceirização de alguns serviços, que permitam que a experiência do trabalho seja positiva. 

Cada fator apresentado precisa ser gerenciado de ponta a ponta dentro da empresa, o que envolve passar por  diferentes setores. A liderança precisa ficar atenta a cada mudança que surgir e entender as causas para propor a solução. Mas, para gerenciar todos esses processos com eficiência, é fundamental contar com tecnologia para otimizar o trabalho dos gestores e também do setor de Recursos Humanos.  Na Linx, temos o software ideal para gerenciar áreas de RH do seu varejo: o Linx Humanus

Essa solução permite fazer uma avaliação de desempenho do profissional, assim como da sua carreira. Além disso, com essa ferramenta você consegue fazer a gestão completa dos Recursos Humanos do seu negócio.  Quer conhecer mais? Entre em contato conosco e solicite uma demonstração!

Ficou com
alguma dúvida?

Podemos te ajudar com os desafios do seu negócio e encontrar a solução ideal

Entre em contato

fale com a gente!